A campanha de 2010 pegou fogo | Fábio Campana

A campanha de 2010 pegou fogo

No rescaldo das eleições municipais, reavaliadas as forças e estudadas as possibilidades de cada qual, está em curso a disputa de 2010 para o governo do Paraná.

  1. Na banda do PMDB, Orlando Pessuti não perdeu tempo. Antes que outro aventureiro se anunciasse, ele declarou que é candidato e tem o apoio dos deputados de seu partido, inclusive do líder Luís Cláudio Romanelli. Sua candidatura interessa a Requião, que vai disputar uma vaga do Senado. Aliás, quem também se anuncia candidato é Luís Fernando Delazari, o secretário de Segurança Pública, que tem apoio do núcleo duro do governo, aquele que tem como ideólogo o Benedito Pires.
  2. No PT, sombras e convulsão interna. O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, é candidato. Tem o apoio certo e faturado de parte da mídia, mas já não agrega a maioria dentro do próprio partido. Na base há um descontentamento brutal contra o chamado “grupo de Londrina” que ele lidera. Sem contar que há uma corrente que defende a mudança no quadro das alianças e propõe apoio a Osmar Dias, como decorrência de um conchavo nacional e natural entre PT e PDT.
  3. Osmar não quer saber disso. Exige que a direção nacional do PDT não lance candidato para não amarrá-lo a ninguém. Quer mesmo o apoio dos tucanos nativos, inclusive o do reeleito Beto Richa que virou a estrela preferida de nove de cada dez desafetos de Requião. Há acordos prévios, lembra a turma de Osmar.
  4. Por dentro do PSDB e por fora da turma corre o senador Alvaro Dias, irmão de Osmar, que costura em todas a freguesias, inclusive no PMDB. Seu discurso sobre a falência dos partidos só provou sua ansiedade para desengessar o quadro partidário e permitir-lhe mobilidade para ser candidato.
  5. E há a moçada dos partidos satélites, que buscam gravitar em torno do mais provável. O PTB é um exemplo do leilão. Alex Canziani já mudou de opinião. Passou de Osmar para Beto Richa. Manobra que precede muito caçador de oportunidades que vê no prefeito de Curitiba o candidato imbatível.

29 comentários

  1. Hugo Alexander
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 10:59 hs

    Requião está fazendo looby com a candidatura ao senado, todos sabemos que o seu objetivo, mesmo que semi-utópico é a presidência da República. Duvido que o PMDB queime o Sérgio Cabral. Apesar dos pesares, o Requião segue um estilo populista e os mais carentes, ainda votam nele.
    No meu ver, depois de estar acompanhando muito a política e seu quadro para 2010, deve ficar assim:
    PRESIDÊNCIA
    PT: Dilma
    PMDB: Requião ou Aécio Neves
    PSDB: José Serra com o Álvaro Dias, como possível vice
    GOVERNO DO PARANÁ
    PSDB: Beto Richa
    PDT: Osmar Dias
    PMDB: Álvaro Dias ou Pessuti (Aposto no Álvaro)
    PT: Paulo Bernardo
    SENADO:
    PSDB: Fruet
    PT: Gleisi

  2. O GUARDIÃO -
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 11:01 hs

    O NEGÓCIO É O SEGUINTE:
    OSMAR DIAS SERÁ O GOVERNADOR ELEITO EM 2010.
    BETO RICHA SERÁ O GOVERNADOR EM 2014.
    NESTE ÍNTERIM, BETO RICHA FICA OS 4 ANOS NA PREFEITURA.
    AÓPS ESTE PERÍODO SERÁ MINISTRO DE ESTADO, NO GOVERNO SERRA (OU AÉCIO).
    GUSTAVO FRUET SERÁ O SENADOR.
    E A OUTRA VAGA DO SENADO, SERÁ DO VANHONI.
    A FERNADINHA RICHA, SÓ NÃO SERÁ ELEITA DEPUTADA SE ELA NÃO QUIZER.
    O PT ESTÁ MORTO, BEM COMO O PMDB.
    O REQUIÃO VAI PARA O OSTRACISMO, ALIÁS COLHEU O QUE PLANTOU.
    E O RESTO É RESTO.

    ps. seria interessante guardar este comentário para conferir depois.

  3. Mother Dinah
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 11:05 hs

    Meus prognósticos:

    Candidatos ao Senado: Osmar (pelo PDT), Gleisi e Samek (pelo PT), Requião e Serraglio (pelo PMDB), Gustavo (pelo PSDB), Prof Galdino (PV), Tanigushi (DEM)

    Candidatos ao Governo: Álvaro (sai do PSDB e é candidato ao governo por outro partido), Beto (PSDB), Pessutti (PMDB), Paulo Bernardo (PT), Burko (PL ou PV),

  4. Vicente Ferreira
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 11:19 hs

    Delazari candidato? MUITOS RISOS! Ai, ai.. Cada dia é uma piada nova do Palácio.

  5. ronaldo
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 11:20 hs

    Descupem, mas se existe fogo na campanha para 2010, é no arraial do cansado PMDB de conflitos.

  6. PESSOA
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 11:28 hs

    Apesar do OS-MAR DIAS (bem que podia ser OS-BONS DIAS) dizer que não, o item 2 é o mais próximo da verdade. Beto dará rasteira nele. Ou já deu!!!!
    Osmar será candidato a Governador na composição com PT e Gleisi a Senadora. Paulo Bernanrdo Dep. Federal.
    Requião dança, pois a outra vaga do Senado, será do Gustavo Fruet.
    Esi Tudo!!!!!

  7. O Povo
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 11:33 hs

    No dinamismo da política, e no toma lá da cá, muita água ainda vai rolar por debaixo desta ponte, portanto apenas especulações conjunturais, que só se confirmaram com o passar do tempo!

  8. Atento
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 11:42 hs

    Concordo com o raciocínio do Guardião, principalmente porque o Beto Richa vai ter que pensar muito antes de arriscar uma candidatura a governador. Afinal, para ser candidato ele vai ter que renunciar à prefeitura, e se perder (o Osmar como candidato adversário é bem mais competitivo que Gleisi, Moreira, Camargo, etc), fica sem mandato.
    Como vice, podemos ter o Rubens Bueno ou o próprio Gustavo Fruet.
    Para o Senado, num acordo geral entre o PSDB e o PDT, o candidato será o Alvaro Dias. Afinal, em 2014 o Alvaro não poderá ser candidato a Governador substituindo o Osmar, e como para o Senado é só uma vaga, provavelmente o Álvaro não vai querer disputar contra o Osmar, que estará saindo forte do Governo do Estado e com o apoio do candidato a governador Beto Richa.
    Quanto ao Ministério para o Beto, precisaria ter certeza que o Serra ganha para Presidente. Outra opção seria o Beto ser um super-secretário estadual (tipo Desenvolvimento Urbano, etc), possibilitando ele viajar e atuar pelo interior do Paraná, divulgando ações e seu nome tornando-se conhecido no interior (em Curitiba e Metropolitana já sairá forte), como o Àlvaro Dias fez com o Requião em 1988.
    Guardem estes comentários para conferir depois.

  9. Tuca da Federal
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 11:42 hs

    Hora do palpite:

    PRESIDÊNCIA
    PT: Dilma (chega terceiro)
    PMDB: vai ser vice de alguém em Brasilia
    PSDB: José Serra
    GOVERNO DO PARANÁ
    PSDB: Beto Richa
    PDT: Osmar Dias
    PMDB: Pessuti
    PT: Samek (o traidor)
    SENADO:
    PSDB: Fruet
    PT: Paulo Bernardo
    PMDB: Serraglio

  10. mara
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 11:43 hs

    Alvaro Dias é o mais popular disparado .E´só visitar o interior, Seu IBOPE nunca esteve tão alto . Será governador por qualquer partido. E o Beto inteligente que é e jovem, ficará na prefeitura e sera´candidato em 2014.
    O Osmar não tem voto pessoal , vai na garupa do irmão.

  11. Juliano
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 11:47 hs

    A imprensa de Curitiba precisa conhecer o interior, Vi um comicio em Jaguariaiva com a presença do senador Alvaro Dias. O povo expontaneamente gritou seu nome para governador. Me disseram que foi assim em todos os comicios que participou, E´sim disparado o mais forte candidato a governador

  12. Nancy
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 11:56 hs

    Alvaro Dias está com IBOPE alto. E´o mais forte . COm o apoio do Beto será imbatível.
    Beto é inteligente e não deixará a prefeitura. Seria um desastre se traisse o voto recebido agora. Será candidato depois .E´muito jovem e sabe esperar.

  13. gabeiga
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 12:05 hs

    Beto Richa senador, essa é boa. Só se levar o Ezequias junto. Acho que esse tipo de informação começa com P e termina com K

  14. TÁ LOCO.....
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 12:28 hs

    PREVISÕES DE BAIXÍSSIMA QUALIDADE!
    FEIO MESMO!
    TENHO CERTEZA QUE MUITA GENTE TÁ PARTILHANDO COMIGO ISSO!
    EXPRESSIONANTE!

  15. rock
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 12:29 hs

    Esse Guardião continua tendo pesadelos e dormindo em serviço, por favor alguém acorde o homem.

  16. LUCIANA
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 13:27 hs

    ENLOUQUECERAM?
    ATÉ O TANIGUSHI QUEREM RESSUSCITAR?

  17. CANDIDATO
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 13:33 hs

    O Ratinho Pai se lança a candidato a Governo do Paraná. Vice Carlos Simões.

    Outra chapa

    Deputado Ratinho Junior há Governo Vice Doático Santos.

    Caramba eu só to no meu sofa de couro assistindo o discurso monólogo.

    O Sabino será o caixa…. O cover do Roberto Carlos vai realizar todos os shows micios. O Guauchão candidato há Senador. Lineu terá trabalho para afinar o discurso.

  18. prima pobre e mau ca
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 13:49 hs

    dona fernanda richa, já de olho nas eleições de 2010, engoliu seco a pecha do nepotimso, volta para a FAS nesta segunda-feira, atropelando quem vier pela frente………………..

    saravá!!!

  19. jair
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 13:55 hs

    Depois dos prefeitos que elegeu nesta campanha o deputado Romanelli é o nome mais forte do PMDB para suceder Requião. Apareceu a careca confirma.

  20. quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 13:56 hs

    PALPITES,ALGUNS PODEM ACERTAR. SÃO PREVISÕES. VOU TAMBÉM DEIXAR OS MEUS PALPITES: O REQUIÃO ESTÁ MAL COM A POPULAÇÃO, ESTÁ DESACREDITADO COM OS POLÍTICOS E SEUS PARTIDOS, ESTÁ REPLETO DE INIMIGOS, TÊM QUE RECOMEÇAR A VIDA POLÍTICA, SE RETRATAR COM OS EX-COMPANHEIROS (TALVEZ CONSIGA RETORNO DE ALGUNS), SER HUMILDE COM A POPULAÇÃO, DEIXAR DE SER PRETENSIOSO , ASSIM PROVAVELMENTE PODERÁ SER ACEITO PARA OBTER UMA POSIÇÃO ELETIVA. O PT NÃO TEM LIDERANÇA NENHUMA,NÃO TEM LIDER NO PARANÁ. O PSDB ESTÁ DESORGANIZADO, NÃO TEM DIRETÓRIOS MUNICIPAIS VERDADEIROS, FOI FORMADO DENTRO DE CASA DE DEPUTADOS ESTADUAIS, E ESTES NÃO TEM POSIÇÕES PARTIDÁRIAS DEFINIDAS.É UM SACO DE GATOS, MAS TEM ALGUMAS LIDERANÇAS. O PDT NÃO SABE O QUE É.SE É BRIZOLISTA, LULISTA,OU QUEM APARECER NA FRENTE.TALVEZ AGORA COM A DERROTA DO VEREADOR JORGE BERNARDI, ABRA ESPAÇO PARA NOVAS LIDERANÇAS, PRINCIPALMENTE EM CURITIBA, QUE NÃO TEM.BERNARDI NÃO ERA LIDER ,ERA OPORTUNISTA. O PP E O DEM SÃO AS MESMA COISA, VÃO APOIAR QUE PARTICIPAR DO LEILÃO,EM TROCA DE EMPREGO. NÃO TEM VOTO , MAS TEM HORÁRIO NA TELEVISÃO E SABE ARRUMAR VERBA PARA AS CAMPANHAS, ASSIM É UTIL E TEM VALOR. O PPS TEM ORGANIZAÇÃO NO PARANÁ E SOMENTE AGORA APRENDEU E SABE O QUE QUER.VALE VOTOS. OS OUTROS, PV, PSOL, PC do B, PTB, PT do B, ETC. SÓ TEM SIGLA PARA FAZER UM BELO SUCO! COM A MUDANÇA DAS REGRAS NA POLÍTICA, QUE DEVE CHEGAR LOGO, CREIO E ESPERO QUE FAÇAM POLITICA COM SERIEDADE E QUE OS POLITICOS TENHAM “vergonha na cara”! ”NÃO SOU ANÔNIMO”. SÓ FALTA A FOTO.

  21. E OS NEO COMUNISTAS?
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 14:08 hs

    Pô um monte de comentaristas com suas mais variadas sugestões. Mas uma pergunta: Os neo comunistas não foram citados? Ou esqueceram do homem do voto limpo, Rubens Bueno? Ainda não é uma força política já não o consideram mais como tal? Ou ainda: Está no grupo dos Partidos satélites que se posicionam sempre ao lado de quem tem mais chance de ganhar? Manja, aquele lance matreiro do “voto útil”. KKKKKKK.

  22. jair jacoh
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 14:13 hs

    Escrevam aí:

    Osmar – Governador
    Ricardo Barros – senador
    Fruet – Senador

  23. Professor
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 14:53 hs

    Minha gente da direita, o PT foi o maior vencedor nacional destas eleições de 2008, e Lula está com tudo.
    Em 2010, Dilma será eleita Presidente do Brasil, com o Vice do PMDB (pode até ser o Requião).
    No Paraná Beto e Osmar vão se matar juntos e quem vai vencer será Samek com o Vice Pessuti.
    É claro que Requião, se se candidatar, será eleito Senador.
    Assim sobre apenas uma vaga para a direita, provavelmente para o Fruet.

  24. Junior
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 15:14 hs

    Hora do palpite:

    PRESIDÊNCIA

    PT: Dilma
    PSDB: José Serra

    GOVERNO DO PARANÁ

    PSDB: Beto Richa
    PDT: Osmar Dias
    PMDB: Pessuti
    PT: Samek (o traidor)

    SENADO:

    PSDB: Fruet
    PT: Paulo Bernardo
    PMDB: Serraglio
    PP: Ricardo Barros (tá vindo com tudo)

  25. Vanessa
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 17:34 hs

    Ui! A Dilma e o Requião juntos na chapa?! Impossível: dois bicudos não se beijam!

    Quanto ao Beto, acho que não deve dar o passo maior que a perna. Alvaro e Osmar têm muita força no interior.

  26. BELA
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 18:07 hs

    GENTE ! QUE CONFUSÃO TOTAL, MAS TÔ GOSTANDO . QUEM DÁ MAIS? QUE TAL SE FIZERMOS UM BOLÃO? OLHA QUE PODEREMOS GANHAR UMA GRANA PRETA HEIN. SÓ PARA BOTAR MAIS LENHA NA FOGUEIRA QUE TAL ESSE PALPITE É UMA MISTUREBA SÓ. IMAGINEM : GOVERNADOR – OSMAR VICE: REQUIÃO (uiuiui) SENADO: FRUET, GLEISI, OU ENTÃO : GOVERNADOR : ÁLVARO VICE: GLEISI NO SENADO : RÊ – RI – E O SA? DIO CRISTO! QUE COMPOSIÇÃO HEIN.

  27. Ricardo
    quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 18:36 hs

    O “professor” tá viajando.
    A transferência de votos do Lula não é tão forte no Paraná, a Gleisi e o André vargas que o digam!
    Sou do interior, e ficou um sentimento natural de que o Osmar era pra ter sido eleito, não foi por pressão dos depuados do Requião sobre os prefeitos das cidades pequenas, especialmente do norte pioneiro, onde houve coação forte do Romanelli e do Alexandre Curi.
    Agora, com Álvaro e Richa numa possível disputa, embola tudo.
    Samek é piada né, por favor, isso é achar que o estado é só Curitiba. Aliás, é nem conhecer o estado.
    Não sei como vai ser, mas isso que ele disse, eu duvideudó!

  28. quarta-feira, 8 de outubro de 2008 – 20:36 hs

    Um paranaense em chapa para Presidente da República? Nunca aconteceu e vai demorar um bocado. Nem na eleição de 1989 que teve 22 candidatos!!

  29. domingo, 2 de novembro de 2008 – 19:24 hs

    Gostaria de saber quem no PT tem a idéia de jerico de apoiar Osmar Dias.

    Acho que o PT vai mesmo ter candidato próprio, e não estou tão certo quanto ao Paulo Bernardo. Depois do desempenho pífio da Gleisi e de todo o partido nessas eleições paranaenses, mudanças virão.

    Quem aposta no Serra como próximo presidente está esquecendo que as eleições de 2010 não serão só em São Paulo e no Paraná.

    Em outros estados o PSDB não está lá essas coisas. Aliás, aqui mesmo, quase 80% dos votos do partido no estado vieram de Beto Richa. Será o suficiente para ele se eleger governador?

    Saindo Richa e Osmar, a direita tem os votos divididos, favorecendo a ida do PT para o 2º turno. Será Beto capaz de conseguir os apoios que o favoreceram nesta última eleição?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*