Com imagem no fundo do poço, Requião quer reagir com milhões em propaganda | Fábio Campana

Com imagem no fundo do poço, Requião quer reagir com milhões em propaganda

Existe legislação estadual que manda o estado informar, em cada peça publicitária, quanto pagou pela propaganda. E o trabalho dos asseclas começou por aí. Romanelli, líder de Requião no Legislativo, trabalha duro para derrubar a lei. O governo não quer ser obrigado a divulgar o preço que pagou pelos anúncios de publicidade em jornais, rádios e televisão.

Isso só demonstra que Requião concluiu o óbvio. Vai ser preciso derramar rios de dinheiro nas redes de TV e rádios pelo Paraná afora para segurar o tranco que sofreu sua imagem, principalmente neste segundo mandato.

Requião agora sabe que está no fundo do poço. Já era hora. Sua imagem foi corroída por todos os lados — o irmão no porto e o irmão no tribunal de contas; as denúncias de corrupção que pipocaram por todos os lado; o naufrágio de todas as suas campanhas nas principais cidades.

Virou nada mais do que o rei do grotões. Ele, que venceu quatro eleições majoritárias, se vê reduzido aos aplausos dos fundões. Não há município com mais de trinta mil habitantes que lhe reconheça honestidade e autoridade.

Resolveu se mexer. Pois se o Duce vai passar para a história como uma curiosidade marrom à moda de Aroldo Leon Peres, não vai ser sem luta. Luta com o dinheiro público para salvar sua imagem pessoal, claro. Mas ainda assim, luta.

Uma vez que as leis estejam devidamente reformadas ao seu gosto, pretende de uma tacada só injetar uma bolada. Fala-se em R$ 22 milhões só no começo de 2009. E não é jogada eleitoral. A eleição a essa altura já passou faz tempo. É só para segurar a barra nos dois últimos anos.

Foto: Denis Ferreira Netto


15 comentários

  1. Paranagua
    quarta-feira, 24 de setembro de 2008 – 16:11 hs

    Caro Campana.
    Este sujeito vai precisar de muito mais dinheiro para reformar a sua imagem.
    Ele esqueceu que os eleitores das suas primeiras campanhas amadureceram, agora sabem o tipo de ser vil que esta figura representa para política paranaense.
    Como conta a historia mais um NERO que esta vendo o fim.

  2. Leo Tiburcio
    quarta-feira, 24 de setembro de 2008 – 16:22 hs

    Se a imprensa falar bem do requião ela que vai ficar desacreditada.
    Será que por míseros 22 milhões vale queimar a cara pela eternidade?

  3. Leo Tiburcio
    quarta-feira, 24 de setembro de 2008 – 16:25 hs

    veja que foi só o Mário Roque romper com o Requião e contar parte da podridão que ocorre no porto que seu índice de intenção de votos já começou a subir, se tivesse feito isto antes já estaria eleito, mas ainda há tempo…

  4. jango
    quarta-feira, 24 de setembro de 2008 – 17:02 hs

    Isto só está assim e continua porque as ditas “autoridades de controle público” estaduais (exceções poucas à parte) vivem no compadrio e na conivência, resguardando-se reciprocamente nas suas benesses, sinecuras e régios salários pagos pelo povo. Vivem para si próprias, não estão nem aí para o interesse público e os supremos princípios republicanos. O Estado, ao lado de alguns serviços à sociedade, atende com denodada dedicação os interesses personalíssimos dos poderosos de ocasião de modo escandaloso. Procuradores da unidade jurídica do Estado enfrentando a Súmula 13 da Suprema Corte contra o nepotismo para acomodar nepotes do governador de ocasião. Precisamos repensar urgentemente os instrumentos do Estado e não somente pagar os passivos deixados pelos governos transitórios ao erário público. Veja-se o caso do passivo das ações perdidas contra o pedágio – assoma a casa dos milhões – e ninguém se dispõe a apurar responsabilidades … Quem gerou este passivo será premiado com a impunidade e a penalidade recairá no bolso da população paranaense ?

  5. Frankestein
    quarta-feira, 24 de setembro de 2008 – 17:11 hs

    Será que existe mídia capaz de maquiar o monstro?

  6. Júlio
    quarta-feira, 24 de setembro de 2008 – 17:22 hs

    É… Com o molha-mão, a imprensa oligarco-paranaense certamente voltará a ser favorável ao bom e velho governador.

  7. fred
    quarta-feira, 24 de setembro de 2008 – 17:28 hs

    requião, vc tem q aprender com o beto e com o lerner como se constói uma imagem em cima da grana, do larjã. com a graxa erntrando, quero ver se essa campanha abjeta vai continuar, pode esperar…

  8. Henrique
    quarta-feira, 24 de setembro de 2008 – 18:41 hs

    A coisa é descarada mesmo.O quê estarão nossos deputados esperando para pedir o impedimento desse irresponsável e corrupto?

  9. quarta-feira, 24 de setembro de 2008 – 18:53 hs

    Vai gastar o nosso dinheiro e não adiantar nada. requião podia pegar na mão de lula e sair por aí……..a dupla perfeita

  10. Cristiano
    quarta-feira, 24 de setembro de 2008 – 18:55 hs

    O Requião vai acabar sozinho, ah vai !!

  11. JJ
    quarta-feira, 24 de setembro de 2008 – 19:11 hs

    o Roque brigou com o o Duce porque não deram a grana dele……
    mas nenhum candidato do requião vai ganhar nas grandes cidades…. inclusive o Roque….. o parnanguara não é burro…. a pesuisa em Png etá colocando o roque em terceiro….. ele ficou 3 anos mamando na teta do estado e não denunciou antes das eleições???? sabem porque…. porque ele é da mesma laia…..merece ser esquecido como a Familia requião

  12. Vigilante do portão
    quarta-feira, 24 de setembro de 2008 – 19:11 hs

    E o Moreira fala todo dia dos gastos em propaganda do Beto.
    Será que ele vai recriminar o Requião também?

  13. Shirley
    quarta-feira, 24 de setembro de 2008 – 19:24 hs

    Mas que ele aguentou 2 anos sem a piedade da imprensa canalha, ah.. isso ele aguentou… e nesse tempo todo economizou milhões…

  14. thianny
    quinta-feira, 25 de setembro de 2008 – 8:20 hs

    E na lista de destruições do Ser Requião não podemos esquecer o Colégio Estadual do Paraná, uma escola modelo e agora pelka intransigência dele e de sua interventora Madselva está sendo destruida , basta perguntar a alunos ou professores que estão lá. Eu fui uma que voltei no Requião na reeleição hoje convenço todos os meus amigos e quem encontro a nunca mais votar nele , nem nos seus candidatos…

  15. Luis Rodrigues
    quinta-feira, 25 de setembro de 2008 – 10:34 hs

    Será que este senhor vai se contradizer e se “prostituir” a máquina que ele vem atacando a anos?
    O SILVIO SANTOS do Paraná, poderia apresentar um programa dominical em sua televisão, para entrer os paranenses tão carentes de diversão.
    SLOGAN :
    “Comprem o carnê do baú do Requião e concorra a um cargo na minha família.”

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*