Quem tirou a cadeira vazia do debate da Educativa? | Fábio Campana

Quem tirou a cadeira vazia do debate da Educativa?

A retirada da cadeira vazia para simbolizar a ausência do prefeito Beto Richa do cenário do debate da TV Educativa ainda não foi bem explicada ao governador Requião. Foi ele quem sugeriu e se sentiu desrespeitado quando soube que o debate correria sem a cadeira.

Requião estava no Paraguai e foi informado lá da medida tomada pelo diretor da TV, Marcos Batista. Este alega razões jurídicas e de bom senso. Ora, bom senso não é o forte da casa e obediência a exigências jurídicas muito menos.

Doático Santos fez da cadeira vazia o mote principal da pantomima que montou na Boca Maldita para debochar e criticar o prefeito Beto Richa.

Imagem de Richard Schultz/Corbis


3 comentários

  1. Marcos Strasson
    segunda-feira, 18 de agosto de 2008 – 15:34 hs

    Tinha é que por a cadeira vazia do Beto Richa lá, com o nome dele bem grandão. É uma falta de respeito aos eleitores o prefeito deixar de ir debater as coisas da cidade para ir num pagode com a desculpa de comitê afro. Tá na hora de alguém falar umas verdades para este playboizinho do Country.

  2. Theo
    segunda-feira, 18 de agosto de 2008 – 16:45 hs

    Marcos Strasson, você é preconceituoso, não é porque o Beto Richa foi na inauguração do Comitê dos Negro é que ele tenha que ouvir “Pagode” como vovê diz!
    O Negro pode sim gostar de pagode, como também de outros estilos musicais, não queira rotular, isso é preconceito e nada democratico! Típico de seguidor do Rei Quião!

  3. Vigilante do Portão
    segunda-feira, 18 de agosto de 2008 – 19:16 hs

    Fez mto. bem o Beto de não ter comparecido ao debate da Educativa. O dono da emissora mandou não respeitar o acordo entre os candidatos e nem a lei. É um canalha juramentado.
    O diretor de Tv teve o bom senso de não colocar a cadeira vazia.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*