Moreira, na rua, orientando o trânsito | Fábio Campana

Moreira, na rua, orientando o trânsito

O candidato do PMDB, Carlos Moreira, postou-se, agora pela manhã, na avenida das Torres, esquina com Coronel Francisco H. dos Santos. Cumprimentou motoristas, pedestres e distribuiu o manual com as suas propostas de solução para o trânsito.

Nesse cruzamento, Moreira acredita que é necessário construir um viaduto. Segundo Moreira, Curitiba terá que escolher entre continuar sendo uma cidade bonitinha ou de trânsito fluído e viável.


14 comentários

  1. Campeao
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 10:22 hs

    Mas é um hipócrita!

    Fala que quer a cidade bonita, agora diz que tem que escolher entre beleza e funcionalidade!!!

  2. Vinícius
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 10:31 hs

    O transito já tá um caos, ai o Moreira vem falar em costruir pontes de viadutos, ai vai incentivar os curitibanos a usarem mais o carro e vai ficar pior que ja tava.
    Cade o programa para o transporte publico?

    Ai é tanta hipocresia que o Moreira vem falar em meio ambiente e poluição.

  3. sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 10:37 hs

    É, essa coisa de construir viadutos dá muito certo. É só tomar o exemplo de São Paulo! Transporte público alternativo é que é desnecessário…

  4. Osiris Duarte
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 10:42 hs

    E O QUE ESTE CANDIDATO (ZERO POR CENTO) ENTENDE DE TRÂNSITO ???

  5. O Povo
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 11:28 hs

    Isso é que dá, colocar candidatos despreparados, para falarem besteira que não medem conseqüências, a necessidade de Projetos específicos de viabilidade e um Plano Diretor igual ao que o Beto Richa está desenvolvendo com a total integração da linha verde o trânsito vai fluir melhor e as alternativas do transporte coletivo vão desafogar o trânsito da região central da cidade. O resto é demagogia barata de candidato 0% que não entende nada e quer aparecer a todo custo!

  6. Jose Carlos
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 11:37 hs

    Viaduto é programa proibido na cidade. Mesmo que – por um milagre – o ex-magnífico se elegesse, a nomenklatura petrificada no IPPUC, guardiã dos segredos que eles conhecem, jamais permitiriam viadutos. Na verdade “viadutos” mesmo, só cabem no programa da candidata Francielle do PT.

  7. Theo
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 12:32 hs

    Cidade com viaduto é cidade sem qualidade de vida, onde o carro é prioridade, e daqui a 10 anos teriam tantos viadutos que seria impossível morrar e respirar de tanta poluição e caos que as cidades se transformam em depósitos de pessoas e a desordem está formada. Investir em transporte público de qualidade, com licitação aberta a todas as Empresas que ofereçam os melhores serviços! O Metro de superfície será outra alternativa para desafogar o trânsito e dar rapidez e conforto a população de Curitiba!
    Beto Richa fará está transformação necessária!

  8. Vigilante do Portão
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 12:57 hs

    Ele que peça ao Requião para fazer as obras que o DER está devendo. Já vai ajudar bastante.

    Hoje vai sair mais uma pesquisa do Datafolha, e o Reitor vai estar junto com o Meirinho, ZERO%.
    É o percentual correto para os demagogos, aqueles que aparecem em época de eleição, travestidos de salvadores, criando factóides, prometendo tudo e mais um pouco.
    Claro que não informam quanto vai custar cada projeto e de onde virá o dinheiro.
    Vejamos algumas propostas do Sr. Reitor:
    a) Aumentar de 25 p/ 30% o percentual para a educação. De qual rubrica ele vai cortar os 5%?
    b) Criar escolas integrais. Quantas e quais?
    c) Médico em casa, para atender à população. Quantos médicos serão contratados,quanto vai custar e de onde virá a grana?
    d) melhorar o trânsito, fazendo trincheiras e viadutos. Em quais locais, quanto custarão e de onde virá o dinheiro?

    É simples, basta pegar o orçamento da Prefeitura e indicar a rubrica da qual virão os recursos.
    Fazer papel de palhaço nas esquinas, dizendo que no local é preciso construir um viaduto, pode enganar alguns eleitores. Deve chegar a 2% dos votos.

  9. Pedro Taj
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 14:25 hs

    Eu agradeço diariamente a Deus por morar em uma Cidade civilizada, com uma população trabalhadora, que não se deixa enganar por “oportunista” de plantão, nossa “Cidade da Gente”, continuará sendo bem Administrada por Beto Richa porque a população assim quer! Graças a Deus! Amém.

  10. Morgana
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 15:06 hs

    Viaduto só serve pra mendigo dormir embaixo. Tem que parar de gastar dinheiro com obras pros carros. Quanto mais espaço derem pros carros, mais espaço eles vão precisar. É um problema sem fim, o apocalipse motorizado.

  11. jango
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 16:23 hs

    Acorda, Moreira !

  12. Chico Buarque
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 16:30 hs

    Moreira parou na contra-mão atrapalhando o tráfego. Em outubro vai se sentir como um pacote flácido.

  13. messias batista de c
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 17:05 hs

    manda esse Reitor pedir ao Requião a cocluzão da escola erica que esta a mai de três anos em comstrução!! e vem falar de enducação!!!!!!!!!!!!!!!!

  14. Moreira e o CEP
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 20:53 hs

    O Moreira poderia fazer panfletagem próximo ao Colégio Estadual do Paraná. Mas ele que não se assuste caso os alunos do CEP rejeitem suas propostas. Afinal de contas Madselva é Moreira. Madselva é “cabo eleitoral” que candidato nenhum quer saber.
    O Moreira poderia ter os votos da comunidade escolar do CEP se tivesse a sensatez de ter chamado a Madselva para voltar para à universidade. Os 5 mil alunos do CEP e suas famílias já sabem: Madselva é Moreira.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*