Estes são os curitibanos "ficha-suja" do MP | Fábio Campana

Estes são os curitibanos “ficha-suja” do MP

O Ministério Público do Paraná sugere que os seguintes candidatos a vereador de Curitiba tenham suas candidaturas impugnadas: Aparecido Custódio da Silva, Clementino Tomás Vieira, Cristiano Batista de Jesus, Délcio Augusto Rasera, Dirceu Domingo Fernandes, Elias Vidal, Luiz Antônio dos Santos Chaves, Luiz Juvêncio Pereira, Paulo Frote e Tíbor Borocz Junior.

Com exceção de Luiz Juvêncio Pereira, que pode ter sua candidatura impugnada por inegibilidade, o motivo da indicação dos outros na lista do MP é de “vida pregressa”.


7 comentários

  1. O Povo
    sexta-feira, 8 de agosto de 2008 – 19:52 hs

    Só estes, meu Deus!
    A Justiça Paranaense desta feita através do Ministério Público, está muito bonzinho com está classe política tupiniquim!

  2. divino santos
    sábado, 9 de agosto de 2008 – 0:08 hs

    é muito pouca gente, gostaria de saber o motivo dos apontamentos de cada um, alguem pode me responder, pois sou candidato e sou contra todo e qualquer tipo de envolvimento dos politicos que ja estiveram no poder, pois acredito que o povo tem que tomar conhecimento pora saber em quem não deva votar.

  3. sábado, 9 de agosto de 2008 – 1:41 hs

    É VERDADE!
    ESTOU RESPONDENDO POR ACUSAÇÕES INJUSTAS,
    E AINDA NÃO FUI JULGADO!
    NÃO TENHO RECEIO DE NADA.
    SOU AGENTE PÚBLICO A SERVIÇO DA COMUNIDADE.
    ACREDITO NA JUSTIÇA, E AGUARDAREI SUA DECISÃO.
    PEÇO QUE NÃO FAÇAM PRÉ-JULGAMENTO.
    COM RESPEITO AS OPINIÕES CONTRÁRIAS
    ESTOU A DISPOSIÇÃO.
    MUITA ÁGUA IRÁ PASSAR POR BAIXO DA PONTE.
    COM RESPEITO A TODOS.
    DÉLCIO RASERA

  4. Tio Zinho
    sábado, 9 de agosto de 2008 – 2:52 hs

    Aparecido Custódio da Silva

    Esse é um Collor Curitibano. fez 1000 trapaças, ferrou com um monte de gente e mesmo assim o povão vota nele.. ô povo desmiolado !!!!

    Paulo Frote ainda tem a cara de pau de tentar mais um mandato. sem falar que ele PENSA que manda na região do FAZENDINHA. ele Pensa. mas não manda. Ele que não pise aqui. por que sera escrachado pelos moradores. só tá prejudicando o crescimento do nosso bairro, querendo proibir a prefeitura de criar um binário aqui que há anos é um desejo dos moradores.

  5. Marionete
    sábado, 9 de agosto de 2008 – 11:19 hs

    Poutz, faltou o Ezequias Pereira e a Sogra Fantasma na lista. Eles não são candidatos, eu sei, mas é como se fosse dada a proximidade que tem com Beto Richa.

  6. Mano da Vila
    sábado, 9 de agosto de 2008 – 16:02 hs

    09/08/2008 – 11h22
    Em Salvador, Cardeal pede para fiéis não votarem em candidatos com “ficha suja”
    Manuela Martinez
    Especial para o UOL
    Em Salvador
    Durante um encontro com quatro dos cinco candidatos à Prefeitura de Salvador _apenas Hilton Coelho, do PSOL, não compareceu _, o cardeal primaz do Brasil, d. Geraldo Majella Agnelo, disse que a arquidiocese vai orientar os seus fiéis a não votarem em candidatos com “ficha suja”, mesmo que o processo judicial esteja em andamento. A proposta do cardeal, que será repassada para todos os padres da Arquidiocese de Salvador, vai de encontro da decisão do STF (Supremo Tribunal Federal), que liberou os candidatos com “ficha suja” para concorrer às próximas eleições.

    O encontro do cardeal com os deputados federais Antonio Carlos Magalhães Neto (DEM), Walter Pinheiro (PT), o ex-prefeito Antonio Imbassahy (PSDB) e o prefeito João Henrique Carneiro (PMDB), candidato à reeleição, aconteceu no começo da noite desta sexta-feira (8), na Arquidiocese de Salvador. “Em cada lugar vamos pedir para que os eleitores observem os candidatos que não merecem o voto”, disse o cardeal primaz do Brasil.

    De acordo com d. Geraldo, a decisão tomada pelos ministros do STF vai contra o pensamento da sociedade. “Esta decisão vai retardar ainda mais o processo que se iniciou, através de leis ou mesmo da mobilização popular, de purificar o processo eleitoral brasileiro.” O cardeal disse também que não está satisfeito com a classe política brasileira. “Dizer que realmente estou satisfeito com todos, não estou. A classe política está precisando marcar pontos positivos para que possamos ter mais confiança”, acrescentou.

    O prefeito João Henrique, membro da Igreja Batista, elogiou a iniciativa da Igreja Católica. “Neste momento de muita violência, a igreja está de parabéns por defender valores da família e, por isso, não poderia deixar de vir aqui.”

  7. Hang Loose
    sábado, 9 de agosto de 2008 – 21:21 hs

    Até tu, Elias Vidal? O que você fêz para merecer essa indicação do MPE? O segmento militar do exército está preocupado por você ter sido citado pelo MPE. Qual a tua defesa? O que você pode falar dessa colocação como “ficha suja”?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*