Reforma tributária para os bispos | Fábio Campana

Reforma tributária para os bispos

Amanhã a tarde, Luiz Carlos Hauly falará sobre a Reforma Tributária para o plenário da CNBB, em sua sede nacional, em Brasília.

Os bispos estarão reunidos para ouvir o que significa a reforma tributária, seu alcance e possibilidades.
Será a primeira vez que o tema – por vezes árido – será ouvido naqueles salões.


3 comentários

  1. Reforma urgente
    domingo, 13 de julho de 2008 – 22:16 hs

    Todo mundo fala que é necessário uma Reforma Tributária e Reforma Política. Mas poucos se debruçam para estudar sobre a matéria como o Hauly. Ele já falou aqui na Assembléia do Paraná (parece que pouca gente entendeu) e na Assembléia legislativa de São Paulo.
    Está enfurnado em tudo e é respeitado no tema.
    Fica a sensação de estarmos bem representados.
    Muito bem.

  2. João Paulo Gouveia
    segunda-feira, 14 de julho de 2008 – 10:52 hs

    A reforma poderia começar pelas Igrejas, que possuem imunidade tributária.

  3. CNBB DIVULGA
    sexta-feira, 22 de agosto de 2008 – 18:30 hs

    Análise de Conjuntura da CNBB – Comissão de Justiça e Paz

    Na reunião do Conselho Permanente da CNBB, em junho, foi apresentada uma síntese da emenda constitucional em tramitação com profundas alterações no Sistema Tributário. De modo especial, aí foram mostrados os efeitos desta Reforma sobre o orçamento da Seguridade Social. A CNBB lançou uma nota, chamando a atenção para pontos fulcrais, por sinal muito bem recebida pela sociedade e por bom número de deputados. A Comissão Brasileira de Justiça e Paz tentou aprofundar a temática, e para tanto convidou o deputado Luis Carlos Hauly, um dos autores de propostas que levam em consideração vários aspectos fundamentais para uma reforma tributária que responda à ansiedade da população.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*