No café, Requião pediu a Lula para ajudar Lugo | Fábio Campana

No café, Requião pediu a Lula para ajudar Lugo

No café da manhã de hoje, no Hotel Pestana, Requião apareceu acompanhado do secretário Walter Bianchini, da Agricultura, para completar a mesa onde estavam o presidente Lula, Jorge Sameck e Olivia Sameck.

Requião foi logo intercedendo em favor do novo presidente do Paraguai, Fernando Lugo, que gosta de tomar como seu protegido. Lula disse que há boa vontade, desde que a recíproca seja verdadeira.
Encarregou Jorge Sameck de pensar um conjunto de programas e medidas que possam ajudar o governo de Lugo deslanchar.

Lula deixou claro que não tomará iniciativas isoladas em relação ao Paraguai. Quer um pacote para negociar com Lugo depois da posse do paraguaio, em agosto.


4 comentários

  1. Mano da Vila
    quarta-feira, 2 de julho de 2008 – 16:28 hs

    Interessante esse comprometimento de Requião Chaves com Lugo Morales. O que este relacinamento nefasto reserva para nós paranaenses? Aí tem!

  2. tata
    quarta-feira, 2 de julho de 2008 – 16:45 hs

    Graças a Deus não é nada nefasto.
    Quando ele se aposentar, vai de sela e pelego para o Paraguai, vai poder continuar a brincar de Napoleão.
    Cavalos, irmãos, e aspones ele já tem muitos.
    O circo está completo

  3. Deco
    quarta-feira, 2 de julho de 2008 – 18:17 hs

    Será que o Paraná não tem problemas e que recursos Federais seriam bem vindos? Pois ao invés de lutar e pedir ao Presidente Lula investimentos em Obras estruturais ao Paraná o transloucado Requiãopede ao Lula que de ajuda ao Paraguai?
    Este Requião ainda vai parar em camisa de força, babando ódio e delirando complo contra ele, pobre decadente em fim de linha!

  4. DRI
    quarta-feira, 2 de julho de 2008 – 22:15 hs

    Na verdade acho que o Lula poderia ser mais solidario ainda…se mandar para o Paraguai definitivamente!!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*