É pau, é pedra, é a escolinha dando cacete | Fábio Campana

É pau, é pedra, é a escolinha dando cacete


Amanhã, na escolinha, ou terça insana como a chama o Solda, Requião vem com tudo. Como não pode falar, anuncia que Carlos Marés (foto), seu Procurador Geral do Estado, vai tratar de denúncia antiga contra Jaime Lerner e contra o irmão de Beto Richa, José, sem faltar no programa a empreiteira DM.

Para amenizar a pauleira, está prevista uma apresentação do pianista preferido de Benedito Pires, Rômulo Aoto de Ramos.


3 comentários

  1. Zocréio
    segunda-feira, 21 de julho de 2008 – 20:24 hs

    Como é a vida: Quem diria o Marés acabou um clone do Doático!

  2. Vigilante do Portão
    segunda-feira, 21 de julho de 2008 – 21:15 hs

    É justo, desde que os adversários tenham o mesmo espaço na TV Educativa para falar do caso da Ceasa, das TVs laranjas, do rombo da Paranaprevidêrncia e outros.
    Cada um em programa especial e de mesma duração da escolinha.
    Quanto ao Jaime Lerner, só vale falar dos defeitos se passar 50 programas da escolinha agradecendo pela vinda das montadoras e de suas agregadas, acrescidas, claro da criação da Cidade Industrial.
    Não vale fazer como o mano Eduardo que se ufanou do incremento das exportações de automóveis pelo Porto de Paranaguá.
    NENHUMA palavra sobre o fato de que tal incremento não seria nem pensável, caso as indústrias automotivas não estivessem instaladas no Paraná.
    O Lerner viu o futuro, enquanto o Requião e sua família administram com o fígado.

  3. Cabañas
    terça-feira, 22 de julho de 2008 – 10:57 hs

    Desculpe, mas não era o Marés que iria livrar o governador Requião do imbróglio envolvendo a TV Educativa e a Justiça Federal? O que aconteceu até agora foi justamente o contrário: derrota em cima de derrota. Ah esses mitos criados por esta suposta esquerda!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*