Andrielly não está nem aí para o Datafolha | Fábio Campana

Andrielly não está nem aí para o Datafolha

Andrielly Vogue é travesti e candidata a vereador pelo PT. Não está nem aí para o Datafolha. Em seu universo, a pesquisa é outra. Andrielly jura que há homos suficientes no armário para eleger vários representantes na Câmara Municipal. Seu número é 13024, para nenhum deles esquecer.


13 comentários

  1. Zohraide
    domingo, 27 de julho de 2008 – 23:49 hs

    Tinha que ser do PT. Sem mais…

  2. PUXA VIDA HEIN?
    domingo, 27 de julho de 2008 – 23:55 hs

    POXA FÁBIO NADA CONTRA O RAPAZ AÍ NÉ?
    MAIS VC BEM QUE PODERIA DIVULGAR ENTÃO OUTROS CANDIDATOS QUE SÃO TÃO MERECEDORES DE PROPAGANDA, PORQUE JÁ É A TERCEIRA VEZ QUE VC FALA DELE.
    ISSO SE CHAMA PARCIALIDADE SABIA?
    NA MINHA OPINIÃO, EXISTEM CAUSAS BEM MAIS NOBRE QUE A DO RAPAZ AÍ?
    OBRIGADO.

  3. Jorge
    segunda-feira, 28 de julho de 2008 – 8:59 hs

    Dizem por aí que “ela” tem até advogado privado dentro do Jurídico do PT… É o Dr. Fernando, especialista no tema!!!

  4. Deco
    segunda-feira, 28 de julho de 2008 – 9:52 hs

    É o PT matando a pau!
    Barbi versão chiquetéssima!
    Se a candidata(o) do PT for ela(ele) vai dar mais votos do que a Gleisi! hahaha

  5. roberto
    segunda-feira, 28 de julho de 2008 – 13:04 hs

    È isso aí, não sabia em quem votar,agora já tenho candidato; pelo menos é autêntoco.

  6. Fabio Peuppes
    segunda-feira, 28 de julho de 2008 – 13:07 hs

    “Ela” tem ao apoio do Messias dos bancários. Ele anda com um monte santinho pedindo voto.

  7. Paolo Rossi
    segunda-feira, 28 de julho de 2008 – 13:39 hs

    Concordo com o Sr. Peppes. O Messias ex-bancário e hoje com um altíssimo cargo na Secretaria Estadual do Trabalho está fazendo propaganda para o seu, ou melhor, sua candidata a vereadora. Isso prova que a conferência GLTB que ele foi homenageado surtiu efeito. Viva o movimento arco-íris! Quem é Messias é Andrielly!

  8. Ruy Roque Nerone
    segunda-feira, 28 de julho de 2008 – 14:03 hs

    Assim como o Messias, sou da Secretaria do Trabalho, sou pau pra toda obra e estou com a (o) Andrielly e não abro.
    O Messias faz campanha para ela por conveniencia, pois espera que um dia ela seja prefeita e ele primeiro damo.

  9. Pobre Cidadão
    segunda-feira, 28 de julho de 2008 – 14:33 hs

    Nada contra a pessoa de Andrielly, mas ela afinal, já mostrou o seu currículo para o eleitorado? Aqui mesmo nesse importante blog, já foi mostrado, em algum momento, às qualidades profissionais da(o) nobre cidadã(o)?

    A Câmara de Vereadores, segundo esse mesmo blog, em muitos momentos mostra vereadores despreparados ou, digamos, não muito interessados pelas causas da cidade, o que já é lamentável.

    Andielly está pleiteando uma cadeira naquela câmara para ficar bem na fita, ganhar um bom salário, fazer chacota com a cara do cidadão, ou realmente tem currículo e competência para prestar um bom serviço naquela Casa de Leis?

    Afinal, lá, até o presente momento, o sexo não é o mais importante. Os visionários dizem que é a “grana”. Eu diria que é o trabalho eficiente em prol da cidade e das comunidades carentes – que não são poucas. É para isso que os nobres – mas nem tanto – vereadores são eleitos e recebem regiamente os seus salários. Ou estou errado?

  10. Lilás
    segunda-feira, 28 de julho de 2008 – 14:34 hs

    Uiiii!!!! É porisso que o movimento GLS ama o Messias, o nosso Will Smith tupiniquim. Ele é uma pessoa de posição (no bom sentido). Com seu apoio a nossa candidata vai revolucionar aquela Câmara que se diz machista. VIVA A DIVERSIDADE!

  11. Vigilante do Portão
    segunda-feira, 28 de julho de 2008 – 17:13 hs

    Claro que ela já mostrou o “currículo” para o eleitorado. kkk

  12. Renato Gomes
    segunda-feira, 28 de julho de 2008 – 17:30 hs

    É o Partido dos Trabalhadores dando mais uma demonstração da luta que faz contra o preconceito!
    Parabéns Fábio por abrir espaço para este debate no seu Blog.

  13. Diogo
    sábado, 9 de agosto de 2008 – 2:12 hs

    A Andrielly tem propostas interessantes SIM. Diferente de alguns vereadores, que estão pedindo votos para poderem se aposentar, Andrielly Vogue planeja crirar delegacias especializadas para esse público, que sofre discriminilização e violência física.
    Com o aumento de debates anti-homofobia, está crescendo também a violência contra os homossexuais. Muitas vítimas acabam por perderem suas vidas, só pelo fato de serem diferentes. Andrielly, que já sentiu na pele esse preconceito, quer criar meios para tornar Curitiba uma cidade igual para todos.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*