Requião determina devassa na Cohapar | Fábio Campana

Requião determina devassa na Cohapar

O colunista Marcus Vinícius publica em sua coluna de hoje, no Jornal do Estado, a Comissão de Sindicância instalada por Requião para apurar o rombo financeiro na Cohapar. “Não restará Greca sobre Greca”, diz o colunista.

Os encarregados de examinar os gastos da Cohapar são o funcionário da Casa Civil, Álvaro Miguel Rychuv e os servidores comissionados da Agência de Fomento do Paraná, Juarez Miguel Rossetim e Fernando Augusto.

Deu tremedeira na Cohapar e se anuncia nova lista de demissões e processos administrativos. Para ler a coluna de Vinicius, basta clicar.


9 comentários

  1. A casa caí...
    sexta-feira, 20 de junho de 2008 – 11:14 hs

    Dizem que o “pouca telha” e o “Sancho Pança Nove Dedos” estão escondidos debaixo da cama!

    Se o ex-lernista abrir o bico sobre a análise do disco rígido do computador operado pelo “Nove Dedos” durante a gestão passada a casa caí!

  2. CLOVIS PENA
    sexta-feira, 20 de junho de 2008 – 11:27 hs

    O IML está sob saneamento intervencionista, por ordem do Governador. Que o procedimento sirva de guia para esta nova ação. Eu falei em referência, apenas. É preciso ir limpando a casa.

  3. leitor
    sexta-feira, 20 de junho de 2008 – 12:29 hs

    NÃO ACREDITEM, NADA MUDARÁ NA COHAPAR !!!!

    ESSA COMPANHIA NÃO TEM SOLUÇÃO.

  4. zthox
    sexta-feira, 20 de junho de 2008 – 12:34 hs

    O Greca pegou uma bomba do Romanelli, se abrir a boca…

  5. Direto!
    sexta-feira, 20 de junho de 2008 – 14:14 hs

    CARA DO IATAURO FAZENDO DEVASSA! ISSO É PIADA!

    ELE VAI PEGAR O DELE E TÁ TUDO RESOLVIDO!

  6. Antonio C
    sexta-feira, 20 de junho de 2008 – 14:35 hs

    qUERO VER O GORDINHO ESPLICAR –

  7. beto
    sexta-feira, 20 de junho de 2008 – 16:14 hs

    E o Ministério Público está acompanhando esse assunto ou não ?

  8. Mano da Vila
    sexta-feira, 20 de junho de 2008 – 17:05 hs

    Devassa na Cohapar? Nunca acontecerá, porque senão o excelentíssimo dep. Roubanelli terá muito o que explicar.
    Demissões: Urgente! Mas aplicando-se os critérios da prática da boa governança.
    Afinal, por pior que seja a Direção e a Gestão deste órgão público, a função social deve ser mantida ilesa perante os mutuários que dele dependem.

  9. sexta-feira, 20 de junho de 2008 – 22:17 hs

    Estão saindo os menores, aqueles que têm salários de 5 ou mais mil por nunca aparecerem no trabalho ou por fazerem que trabalham continuam e continuarão!!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*