Motim à bordo do PMDB | Fábio Campana

Motim à bordo do PMDB


Os perdigueiros de Requião dobraram o turno. Há sinais de motim à bordo do PMDB contra a candidatura de Carlos Moreira que foi empurrada goela abaixo ao partido por Maurício Requião.

A declaração pública de um militante histórico acendeu a luz amarela no Canguiri. Francisco Molinari comunicou ao próprio Requião que não vota em Moreira na convenção de domingo. Vai de Rocha Loures. E deixou claro que não está só. Até o sobrinho dileto, João Arruda (foto ao lado do tio), tem dúvidas sobre o Moreira.

A diferença é que Molinari não depende de cargo em comissão para sobreviver e por isso pode abrir o seu voto. Mas como o pleito é secreto, Requião poderá ter surpresa, garante. Molinari foi diretor do BANESTADO, participou de todas as campanhas de Requião desde a disputa da prefeitura de Curitiba em 1985.


4 comentários

  1. Jose Carlos
    quarta-feira, 11 de junho de 2008 – 10:59 hs

    O medo que os políticos tradicionais, aqueles que vivem à custa do Erário, dos empregos, do troca-troca de favores, do beija-mão, da vassalagem e do nariz-marrom é que os empresários se animem a fazer política, trazendo para a política as virtudes da empresa. Isso, certamente, tira o sono dos parasitas e saprófitas que fazem da política um meio de viver sem trabalhar, sem dar duro…

  2. dirceu
    quarta-feira, 11 de junho de 2008 – 11:51 hs

    Sem chance do Rocha Loures emplacar qualquer candidatura. Nao existe nada mais perigoso na politica hoje do que um candidato independente sem rabo preso, isso nenhum governante quer!!!!

  3. Zé da Leasing
    quarta-feira, 11 de junho de 2008 – 15:42 hs

    o Dr.Molinari tem muita coisa para explicar sobre sua participação no destino do patrimômio do povo, o fálido Banestado.

  4. Ex-pobre
    quarta-feira, 11 de junho de 2008 – 15:53 hs

    O ex-pobre graças ao “profícuo trabalho” de diretor do Banco agora tem afinidades com os ricos.

    Este cara deve até as “pregas” para o Requião!

    De puxa-saco de carteirinha a ser um venal traidor é só um passo!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*