A pressa dos manos para emplacar a vaga do TC | Fábio Campana

A pressa dos manos para emplacar a vaga do TC

Cabulado o voto de Carlos Simões, o contador fechou a conta, passou a régua e concluiu que há número suficiente para eleger o irmão caçula Maurício conselheiro do Tribunal de Contas.

A situação pode não ser a mesma depois do recesso. Por isso, a pressa da turma do Canguiri para eleger o substituto de Henrique Naigeboren, que fecha o tempo para aposentadoria no dia 14.

A ordem de Requião é eleger Maurício o quanto antes.


7 comentários

  1. Antonio W
    terça-feira, 10 de junho de 2008 – 22:59 hs

    Se o mano for eleito para o TC abre-se um perigoso precedente para o desrespeito às instituições públicas.

  2. Mano da Vila
    terça-feira, 10 de junho de 2008 – 23:11 hs

    Vão colocar a raposa para cuidar do galinheiro.

  3. CLOVIS PENA
    quarta-feira, 11 de junho de 2008 – 6:41 hs

    Mário Covas deixou gravado um desabafo em um debate com o ex-presidente Collor de Mello. Uma expressão popular, mas que no contexto calou nas mentes brasileiras como repúdio e um indignado protesto. Disse Covas: TENHO VERGONHA NA CARA!!
    Collor, indicou um Mello para o Supremo.

  4. jango
    quarta-feira, 11 de junho de 2008 – 9:24 hs

    Se cometerem este atentado extremo aos princípios constitucionais e legais e aos valores fundamentais do trabalho e do mérito honrados pelo povo não serão membros de um parlamento mas integrantes de uma camarilha do nepotista juramentado.

  5. ARNOLDO
    quarta-feira, 11 de junho de 2008 – 10:18 hs

    IRMÃOS SIMOES – quando JOÃO estava no SINDICATO, um IRMAO DO MALDITO,
    que na epoca também era SECRETARIO
    DE ESTADO, comparecia religiosamente
    para RECEBER. CONHEÇAM A ESTÓRIA
    POLÍTICA E ENTENDAM O QUE FAZEM
    DE CARLOS e IRIS pessoas interessantes para o MALDITO……………….

  6. Marcos
    quarta-feira, 11 de junho de 2008 – 10:33 hs

    TENHO VERGONHA NA CARA!!

  7. Paulo Duarte Ribas
    quarta-feira, 11 de junho de 2008 – 15:37 hs

    Em se tratando de uma corte de fezes, bem que merece.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*