"Foi sem querer", José Aparecido Nunes, que enviou o dossiê de FHC para André Fernandes, o assessor de Alvaro Dias. | Fábio Campana

“Foi sem querer”, José Aparecido Nunes, que enviou o dossiê de FHC para André Fernandes, o assessor de Alvaro Dias.


6 comentários

  1. Claudio
    quarta-feira, 21 de maio de 2008 – 8:02 hs

    Lembram do Chaves (aquele do seriado da TV, não o guia espiritual do inquilino do Palácio das Araucárias)? Ele dizia assim: “Foi sem querer querendo”…

  2. CLOVIS PENA
    quarta-feira, 21 de maio de 2008 – 8:10 hs

    É hora e vez dos Fernandes. O Franco saiu do atlético por querer, e a esperança é que o Fernandes não esteja assumindo “sem querer”. O Fernades do vazamento vai ter de explicar a sua atitude quando recebeu os dados das contas de FHC passados “sem querer” pelo Aparecido. Resta ao chefe Fernandes convencer, primeiro a FHC, que tudo o que disse é verdade, “sem querer”

  3. Barak Obama
    quarta-feira, 21 de maio de 2008 – 8:31 hs

    Só falta agora o Alvaro Dias deizer que mandou “sem querer” as informações para a imprensa….

  4. jango
    quarta-feira, 21 de maio de 2008 – 9:39 hs

    Me engana que eu gosto, José Aparecido. Não precisava nem usar de habeas-corpus. Mentir no pais é livre, leve e solto.
    Claro, se o Lula, que é o Presidente da República, diz que não sabe de nada, porque haveria eu, José Aparecido, de saber …
    Ademais, vejam, até hoje o Lula não disse quem o traiu no caso dos mensaleiros, porque haveria eu, José Aparecido, de trair alguém, como a Dilma, a Erenice ou mais alguém.
    Ah, foi sem querer, povão ! (Aplausos)

  5. R. Weiller
    quarta-feira, 21 de maio de 2008 – 9:49 hs

    Ninguém se atentou ao fato de que o depoimento do Fernandes assessor não bate com a histórinha do Fernandes Senador???
    Alvinho diz que recebeu o dossiê tal dia, o aspone disse que passou em outro. Pq mentir? O que está escondido atrás disso?

  6. Moshe
    quarta-feira, 21 de maio de 2008 – 14:40 hs

    “A desgraça da mentira é que, ao contar a primeira, você passa a vida inteira
    contando mentira para justificar a primeira que contou.”

    Lula – Paris, 2005

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*