Doático chama Loures de Riquinho e Stephanes de Piolho | Fábio Campana

Doático chama Loures de Riquinho e Stephanes de Piolho

Rodrigo Rocha Loures Doático Santos Stephanes Jr.

Barraco no PMDB. Doático Santos (foto ao centro) sai em defesa da candidatura do reitor Carlos Moreira e baixa o nível da discussão, como se diz no pedaço.

Doático promete puxar a orelha de Riquinho e Piolho, como passou a chamar os deputados Rodrigo Rocha Loures (foto à esquerda) e Stephanes Junior (foto à direita).

“O Riquinho (Rocha Loures) pensa que é o dono da bola e pode dizer quem vai e quem não vai jogar. E o Piolho (Stephanes Jr.) não importa onde esteja, não importa o assunto, a única coisa que consegue fazer é incomodar.”, diz Doático.

A advertência será coletiva, diz Doático Santos, que organiza os 57 candidatos a vereador da legenda peemedebista. “Nessa advertência, tanto Riquinho quanto Piolho serão aconselhados a apoiar claramente os candidatos aprovados na convenção partidária, sob pena, de no primeiro flerte com o Betinho Country Club, serem punidos com um irrecorrível cartão vermelho, exigência dos integrantes do PMDB Velho de Guerra.”, ameaça.


12 comentários

  1. Jose Carlos
    terça-feira, 27 de maio de 2008 – 11:39 hs

    Este biltre, que atende por este nome (sic) Doático (o nome é o homem, dizia um grande autor), é um joão-ninguém como a maioria dos asseclas de Mello e Silva. Fracassados na vida profissional, egressos do balcão sujo de algum botequim pulguento suburbano, procuram empregos públicos se pendurando em políticos demagogos e populistas e quando estes perdem seus mandatos, aqueles voltam ao seu estado natural de fracasso e miserê. Aliás, Mello e Silva, quem o conhece sabe, odeia todos os ricos, sejam eles ricos por herança ou por sucesso profissional e empresarial. Nutre um desprezo invejoso pela riqueza alheia, falando mal de todos, roxo de ciúmes pelo seu próprio destino malfadado.

  2. Abdias
    terça-feira, 27 de maio de 2008 – 12:15 hs

    Doático tem razão. Um é RIQUINHO e o outro não passa de PIOLHO!

  3. ana regina santos
    terça-feira, 27 de maio de 2008 – 12:21 hs

    UMA CURIOSIDADE: E O DOÁTICO E O
    ROBANELLI SÃO O QUE???????!!!!!!!!!!
    A PARANÁ PREVIDENCIA ESTÁ FALINDO, A COHAPAR JÁ FALIU, A
    SANEPAR É UM ANTRO.

  4. Ele está acostumado!
    terça-feira, 27 de maio de 2008 – 12:25 hs

    Ele sempre foi chamado de “lambari de valeta” ou de “cachorro miúdo” pelo Requião e acredita ser “normal” rotular o resto com tratamentos pejorativos como sempre também o foi!

  5. kakunbang
    terça-feira, 27 de maio de 2008 – 12:59 hs

    Essa o Doatico acertou de primeira o Riquinho e o Piolho não tem compromisso com a sociedade estão na politica somente para ficar na midia e logo depois das eleições com certeza voltam as suas origens o DEM., onde eles se sentem confortaveis em defenderem os seus interesses.

  6. João Melon
    terça-feira, 27 de maio de 2008 – 14:07 hs

    Muito bem Doático, tou com você e não abro. Esta casta de herdeiros milhonários só querem se manter na mídai para ganhar votos nas eleições.

  7. brederondes
    terça-feira, 27 de maio de 2008 – 18:04 hs

    ana regina, vc tá sem teu carguinho neh? muda o disco vai

  8. miguel machado
    terça-feira, 27 de maio de 2008 – 19:53 hs

    Doatico é o presidente do PMDB de Curitiba por ser homem de confiança da familia Requiao. Na campanha de 2006 seu chefe direto era o Mauricio à quem se reportava antes de tomar qquer atitude.
    Mas com todo respeito: quem é Doático para chamar a atenção de um deputado federal e de outro estadual? Um fracasso em eleições sendo que em 2004 era o candidato a vereador do goverrnador do estado e fez pouco mais de 3.000 votos. Doatico, vamos trabalhar mais e falar menos.
    O PMDB de Curitiba precisa de uma liderança como vc, mas muda o disco. Pare com essa de apoiar o Moreira pq todo mundo sabe que essa alternativa nao é a melhor para o maior partido do estado nas eleições de curitiba. Entendo suas opinioes completamente contrarias à dos neo-liberais Rocha loures e Stephanes mas como ja disse, muda o disco. Com o Moreira nao vao eleger nenhum vereador na capital, no maximo um.

  9. julio
    terça-feira, 27 de maio de 2008 – 23:25 hs

    É difícil compreender como um Reitor de uma Universidade Federal aceita a convivência e talvez até os conselhos do sr.Doático (o mini-Mim para Assuntos de Curitiba) que utiliza a estrutura do Estado, no caso a Celepar, para atacar adversários. Este é um caso evidente de Improbidade Administrativa que, embora ainda não tenha sido punido, não deixa de ser uma improbidade evidente à qual um Reitor não pode ignorar.

  10. TUCA
    terça-feira, 27 de maio de 2008 – 23:50 hs

    BREDERONDES,
    ME DIGA COM QUEM ANDAS, QUE EU TE DIREI QUEM ÉS.

  11. beto
    quarta-feira, 28 de maio de 2008 – 0:14 hs

    Estou em dúvida, não qual é o pior dos três !

  12. CLOVIS PENA
    quarta-feira, 28 de maio de 2008 – 6:58 hs

    Hoje temos uma fauna política que todos os dias vai aumentando. Analogias procuradas para incomodar algumas figuras. Ou denunciá-las. Algumas, simples ironia mas outras muitos sérias. A mais recente é a do lobo que pode virar cabrito. Para referir a falha do dono da chácara que colocou o cabrito para cuidar da horta!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*