PMDB lança Moreira e tenta segurar dissidentes | Fábio Campana

PMDB lança Moreira e tenta segurar dissidentes

Confirmada a indicação do reitor Carlos Moreira para disputar a prefeitura de Curitiba, o PMDB tenta evitar que os dissidentes abandonem o barco. Não o partido, mas a campanha eleitoral.

As dissensões são extensas. Entre os deputados do partido, a maioria agora espera que a candidatura do reitor Carlos Moreira não decole para tentar reverter sua indicação na convenção de junho. E não falta quem ronde a cerca dos favoritos, o tucano Beto Richa e a petista Gleisi Hoffmann.

O deputado Alexandre Curi, presidente do Conselho Político e um dos mais próximos do governador Requião fez apelo pela unidade em torno de Moreira. Disse que pesquisas ainda não indicam o vitorioso e declarou sua esperança no crescimento da popularidade de Moreira.


4 comentários

  1. Jose Carlos
    segunda-feira, 14 de abril de 2008 – 10:58 hs

    Esse “velho MDB de guerra”, que nunca foi de guerra, mas sempre foi de velhos e velhacos, só emplacou candidatos quando pode nomear um prefeito biônico (Fruet) em 1983, mesmo contra seus preciosos “princípios”, e quando Richa ganhou a eleição para Requião…

  2. Jose Carlos
    segunda-feira, 14 de abril de 2008 – 10:58 hs

    Em tempo: em Curitiba, por óbvio…

  3. Vigilante do Portão
    segunda-feira, 14 de abril de 2008 – 12:58 hs

    Para um partido que carrega a palavra DEMOCRÁTICO no nome, é lamentável que tenham desvirtuado o adjetivo, transformando-o em sinônimo da expressão: Democracia – é quando um manda e os demais obedecem, memo sendo contra.

  4. Astrinha
    terça-feira, 26 de maio de 2009 – 7:57 hs

    Acho que esse Moreira não é muito bom de voto, é esperar pra ver.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*