O abraço dos afogados | Fábio Campana

O abraço dos afogados

Em Londrina, o PSDB de Luís Carlos Hauly tenta sair do atoleiro com um entendimento com o PMDB de Roberto Requião. O deputado Antonio Belinati (foto) comentou a manobra:

— É o abraço dos náufragos desesperados que não sabem nadar. Na tentativa de escapar do afogamento, um ajuda o outro a ir para o fundo mais rápido.


Um comentário

  1. Mohamed Junani
    quinta-feira, 24 de abril de 2008 – 11:31 hs

    Brimo quirido, Antonico do Povo, sabe de afogado e abraço. Por isso José Jannene está com ele. Sempre. No fundo do poço da ética e da moral, mas sempre no fundo.
    Jannani ganha obras com PT de Paulo Bernardo e Nedson Micheleto, Andre Vargas, e assim a grana fica boa para todos.
    Abraços e afagos de todos os queridos do fundo do poço.
    Ações judiciais para todos os queridos homens públicos.
    Devolvam o dinheirinho do brimo, pois faiz fartá em nosso capinzá.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*