Juventude do PMDB ataca alta dos juros | Fábio Campana

Juventude do PMDB ataca alta dos juros

Em campanha e convencida de que pode levar seu candidato para o segundo turno em Curitiba, a moçada do PMDB nativo decidiu ir na carótida do governo Lula e do PT. Escolheu a alta dos juros e a figura do presidente do Banco Central para bater. O slogan é este: “ou o Brasil acaba com Meireles, ou o Banco central acaba com o Brasil”.

A Juventude do PMDB do Paraná afirma que o governo Lula, sem nenhum motivo, exceto a ganância dos especuladores, sobretudo os externos, afetados pela crise em seus países, sem mesmo qualquer pretexto sustentável, o BC aumentou em 0,5 a taxa básica de juros. Com isso, a taxa real no Brasil (7,1%) deixa longe o segundo lugar do mundo (a Turquia, com 5,6%), atingindo a produção, os investimentos, o consumo e a política do governo. Em Brasília, estudantes fizeram manifestação na porta do BC.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*