Cohapar demite funcionários para reduzir custos | Fábio Campana

Cohapar demite funcionários para reduzir custos

A Cohapar, em crise financeira, vai reduzir custos eliminando pequenos funcionários e serviços terceirizados que mantém empregos de baixos salários. Cerca de duzentos estão na lista de demissões.

Assim, evita diminuir as despesas com gabinetes políticos desnecessários como o que funciona no primeiro andar, por onde passam todos os prefeitos da Região Metropolitana e do Interior que vão pedir favores ao governo.

A Cohapar continuará a arcar com despesas de outros setores do governo, o que onera a sua folha e o seu orçamento. Hoje, mantém funcionários de outros órgãos que estão á disposição e que podem estar ganhando de duas fontes. Além de manter funcionários de altos salários desnecessários à atividade da empresa e que servem a outras áreas do governo, inclusive à comunicação social.

Um relatório detalhado já está nas mãos da oposição na Assembléia e do Ministério Público.


12 comentários

  1. Amauri Natividade
    quarta-feira, 16 de abril de 2008 – 14:19 hs

    Agora vai. Só no contrato de empresas tercerizados que prestam serviços e contratam de deputados são milhões em dinheiro para pagar mais de 700 fantasmas. Afora os fantasmas comissionados. Que bom que o Requião esta fazendo os “ajustes”. Já era hora.

  2. cidadão de olho ...
    quarta-feira, 16 de abril de 2008 – 20:32 hs

    “A Cohapar, em crise financeira, vai reduzir custos eliminando pequenos funcionários e serviços terceirizados que mantém empregos de baixos salários. Cerca de duzentos estão na lista de demissões.”, diz a nota.

    Mas não vale fazer farol (“marketing”) de que fazem ajustes, redução de custos e coisas do gênero, só nas costas dos pequenos, nos denominados “peixes miúdos …

    Tem-se que ter coragem e honestidade para mexer nas “mordomias” (sempre possíveis de existir), nos salários complementares de gente à disposição (oriundos de outros órgãos da ADM) e dos altos salários (que com certeza existem), estes sim aqueles que detém maior peso nos gastos da autarquia…

    E cadê a coragem, a transparência e a seriedade, no trato da coisa pública ? Isso é o que queremos ver !

  3. CORREA
    quarta-feira, 16 de abril de 2008 – 22:14 hs

    SOBROU PARA OS PEQUENOS !!! TUDO MUNDO SABE QUE NA TURMA DO SOBRINHO DO REQUIÃO NÃO HAVERÁ CORTES, OS AMIGOS DO GRECA VÃO CONTINUAR GANHANDO UMA NOTA PRETA, OS CABOS ELEITORAIS DO ROMANELLI VÃO CONTINUAR PASSEANDO COMO SE NADA TIVESSE ACONTECIDO.
    VÃO PARA A RUA AQUELES QUE REALMENTE TRABALHÃO E QUE REALMENTE PRODUZEM.
    DÁ PENA DO FUNCIONÁRIO EFETIVO DA COHAPAR , ONDE VAI RECEBER UMA EMPREASA FALIDA ,DESESTRUTURADA, DESACREDITADA E PRESTE A FECHAR.

    CONCURSO PÚBLICO JÁ !!!!!!
    TRIBUNAL DE CONTAS JÁ !!!!!
    AUDITORIA JÁ !!!!!!!!!!!!

  4. LEITOR
    quarta-feira, 16 de abril de 2008 – 22:27 hs

    Balela, não vai mudar nada enquanto a opinião pública e o Ministério Público não saber realmente o que acontece na Cohapar.

  5. Abadia
    quinta-feira, 17 de abril de 2008 – 8:55 hs

    A lista de demissões começará pelo Diretor-Presidente da Cohapar, que equivale a cinco em circunferência e a dez em falta de senso de oportunidade.

  6. Leitor
    quinta-feira, 17 de abril de 2008 – 12:07 hs

    Teria q começar tirando os escritório adicionais q foram criados para manter os puxa sacos do governador, como o presidente do PMDB, q fica lotado numa casa bancada pela Cohapar, ou os funcionários q vão somente bater cartão e mais nada. Onde já se viu uma empresa ter q triplicar o seu espaço fisico para manter cargos e comissões de pessoas indicadas por politicos aliados ao governo.

  7. Duvido
    quinta-feira, 17 de abril de 2008 – 13:44 hs

    A COHAPAR precisa realmente é de uma grande reestruturação. Todos sabem que a empresa está completamente inchada. O quadro funcional é composto aproximadamente de 350 funcionários regime CLT + Terceirizados + Funcionários cedidos de outros órgãos + Cargos Comissionados, formando um total de aproximadamente 800 empregados. Para alojar todos esses funcionários foi necessário o aluguel de mais alguns imóveis adjacentes ao prédio central da empresa.
    Não basta apenas demitir 200 terceirizados, o problema vai muito além. Até porque todos sabem que os terceirizados que serão demitidos, são aqueles que não possuem um forte padrinho político, e já é percebida a movimentação para preservar determinados terceirizados.
    Deve ser feita uma análise mais profunda, e uma total reestruturação da empresa. Deveriam ser eliminadas diretorias, unificadas diretorias afins, eliminadas as superintendencias, unificados departamentos.
    Na parte do quadro funcional da empresa, dos 350 funcionários CLT da empresa, parte deles é dos concursos públicos realizados nos últimos anos e parte é anterior a lei que exigia concursos públicos. Parte desses funcionários anteriores a lei dos concursos públicos, no decorrer dos anos, ganhou inúmeros reajustes salariais causando uma verdadeira distorção salarial dentro do quadro próprio da empresa. A outra parte desses funcionários é formada pelos concursados, e foram muitos os que já deixaram a empresa, pois não viam perspectiva alguma de melhora, os bons funcionários, vão se aprimorando, estudando e saindo da empresa. Deveria ser feita também uma análise do quadro funcional próprio da empresa, é realmente necessário para a empresa ter funcionário que já se aposentou trabalhando dentro da empresa, recebendo salário + beneficios? Deve-se também analisar se os salários dos funcionários do quadro próprio da empresa, estão condizentes com a função e cargo desempenhados e se estão dentro da realidade de mercado. Não adianta ficar culpando somente terceirizados e comissionados, deve-se fazer uma limpa no quadro próprio, funcionário incompetente deve ser mandado embora.
    É necessário muita vontade política para fazer uma grande reestruturação, seria necessário que os políticos parassem de fazer pressão para colocar seus apadrinhados dentro da empresa. O governador deveria realizar uma profunda auditoria na COHAPAR e transformá-la em uma empresa séria.
    Demitir 200 terceirizados e injetar os recursos da Caixa Econômica Federal para cobrir os déficits também não vai resolver, isso irá apenas “tapar” o buraco do momento.
    É necessário repensar a empresa, reformular a empresa, reerguer a empresa, com uma nova identidade moral, com funcionários motivados e orgulhos de trabalharem na empresa.

  8. altair reginato
    quinta-feira, 17 de abril de 2008 – 14:48 hs

    TEU PASSADO TE CONDENA: COMO É MESMO O NOME DAQUELE ‘PARENTE’
    QUE MATOU ALGUMAS MENINAS DE CARRO…SERÁ QUE COM O SALÁRIO DA
    COHAPAR ELE AJUDOU AQUELAS FAMÍLIAS

  9. PT Cruiser
    sexta-feira, 18 de abril de 2008 – 0:22 hs

    em resposta a altair reginato:

    o nome é João Arruda Júnior

    aquele sobrinho que o Requi teve que dar uma “carteirada” num policial para livrá-lo do flagrante do “acidente”, mandando-o para casa para se recuperar do “susto”.

    “susto” ???? embriaguês, tóxico, barbeiragem, só Deus sabe, ou melhor, só o Requi sabe.

    Limpeza na vida pública Já!!!!!!!!!!!

  10. BASTA
    sexta-feira, 25 de abril de 2008 – 23:02 hs

    Concurso público já!!!
    Vamos mandar esses apadrinhados do Romanelli pra rua, já que não fazem nada na empresa, apenas estão levando-a para o fundo do poço…
    São hipócritas e estão achando graça da tal “lista de demissões” já que como esses terceirizados mesmo dizem…NAO VAI DAR NADA! Vão fazer alvoroço mas já falei com o deputado e estamos garantindo a nossa “vaga”…
    Está na hora de ver que a empresa sempre foi um órgão sério e que está servindo de reduto para uma corja que só mexem seus traseiros da cadeira ou retiram o paletó dela na maioria das vezes, para fazer campanha e aproveitar as sobras dessa é claro!
    Obrigado pelo espaço!

  11. Não resolve
    sábado, 26 de abril de 2008 – 13:21 hs

    Apenas a realização de concurso público não irá resolver o problema da empresa. Os novos concursados entrarão na empresa e um ano depois estarão desmotivados e estudando para um novo concurso público. Serão aprovados em outros concursos e deixarão a empresa. E assim vai indo a COHAPAR…

  12. É uma pena!!
    quarta-feira, 30 de abril de 2008 – 9:18 hs

    Sentimentos de indignação, mas também de tristeza se misturam diante da situação atual da COHAPAR. Sabe-se que é praticamente impossível não haver apadrinhados, terceirizados por indicação política em órgão públicos, mas o que estão fazenda da COHAPAR é uma vergonha. Desde a gestão do atual deputado estadual Luiz Cláudio Romanelli 2002 – 2006, a empresa começou a afundar de vez: contratação em massa de funcionários terceirizados (apadrinhados políticos), com ganhos superiores a de um funcionário de carreira. Isso desanima qualquer um!!. Sem contar, os que compareciam nas filiais e sede ao final de cada mês, apenas para receberem seu holerites. E as pessoas que contribuíram para a sua campanha???? Acho que ele dizia: Aparece lá na COHAPAR que te arrumo um cargo, e ainda melhor, você não precisa trabalhar.
    Na gestão de Rafael Grega – 2007, assumiu uma Empresa inchada de contratados terceirizados e “fantasmas”. E o que fez para amenizar??? Demitiu os terceirizados que ganhavam pouco e que de fato trabalhavam, e permaneceu com os tercerizados e adidos com altos salários (são estes que afundam a empresa) e convocou os chamados “fantasmas” para assumirem seus cargos, pois o Tribunal estava de olho.
    Hoje esses “fantasmas” não possuem função definida na Empresa, quiça lugar para sentar, pois já não há recursos materias para os funcionários de verdade, e aparecem quando querem para “trabalhar”. Esqueci de comentar… muitos desses “fantasmas e adidos” já são chefes de gabinete da Casa Civil e de órgãos importantes do Estado, ou seja, recebem pelo Governo e pela Cohapar sem trabalhar. ISSO É UMA VERGONHA!!!!! E NINGUÉM FAZ NADA!!!! POR ISSO ESSE PAÍS NÃO VAI PARA FRENTE NUNCA!!! PASSIVIDADE TOTAL!!!!!!!
    Diante dos fatos, a COHAPAR está sem crédito na praça, pois não tem mais de onde tirar dinheiro para pagar seus fornecedores, há meses sem receber. E o Rafael Greca???
    Como se nada estivesse acontecendo… Posando para fotos, pleiteando mais um cargo futuro… Prefeito da nossa Cidade.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*