Só pra contrariar | Fábio Campana

Só pra contrariar

O deputado Douglas Fabrício, do PPS, quer adicionar uma providência ao projeto de lei de Tadeu Veneri, do PT, contra o nepotismo. Vai propor que nenhum parente do governador ou de membro do Executivo possa ser nomeado conselheiro do Tribunal de Contas.

Ele jura que essa proposta não se inspirou na recente decisão de Requião de nomear seu irmão Maurício para a próxima vaga de conselheiro do Tribunal de Contas.


5 comentários

  1. eu
    sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008 – 13:27 hs

    É PARA ISSO QUE SERVE UM DEPUTADO…
    EM VEZ DE PENSAR EM FAZER COISAS PARA O POVO, PARA A COMUNIDADE, OU MELHORAR O QUE REALMENTE PRECISA, FICA DE PIADA PROCURANDO PICUINHAS CONTRA OS QUE NÃO SÃO DE SEU GOSTO…POR FAVOR DEPUTADO, IGUAIS A VOCÊ JÁ TEMOS MUITOS, DIFERENCIE-SE POR AÇÕES POSITIVAS.

  2. Plenário
    sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008 – 15:06 hs

    O melhor seria que nenhum membro do executivo seja indicado ao TC enquanto suas contas não forem aprovadas.
    É bem para isso que serve um deputado, propor leis.

  3. jango
    sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008 – 15:55 hs

    A proposta é pertinente e oportuna. Não é possível que um governante violente a moralidade pública com a indicação de seu irmão para compor tribunal em que as contas de seu governo e do próprio indicado (pasmem !) devam passar por julgamento. É algo inconcebível. Estamos numa república (esfarrapada mas estamos), não numa monarquia absoluta.

  4. Venerio
    sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008 – 18:01 hs

    Este projeto é uma enganação do Dep. Tadeu Veneri. Ele é o maior interessado que não seja votado, se votar acaba seu único discurso.
    Algum outro petista assinou ?
    Com a iniciativa do Dep. Douglas Fabrício até o Caito Quintana vai assinar.

  5. Bruce
    sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008 – 20:12 hs

    E sobre o escândalo Pavibrás – Sanepar? Ninguém diz mais nada? Seria mais uma enorme pizza? Excesso de cargos comissionados dentro da Companhia (que se encaminha para o) de Esgoto, nenhum comentário? Deputado furando pedágio, tudo bem? O Paraná precisa de uma oposição, juridicamente presente e atuante.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*