Contos irlandeses | Fábio Campana

Contos irlandeses

capa_luci_site.jpg

por Fábio Campana

Esta antologia (Contos Irlandeses do Início do Século XX, Travessa dos Editores) — organizada por Luci Collin — que apresenta contos publicados entre 1902 e 1923, pretende não só mostrar a riqueza estilística e temática que marca o conto irlandês moderno, mas também chamar à cena alguns escritores raramente traduzidos no Brasil.

Os contistas aqui reunidos podem ser divididos em dois grupos. O primeiro é formado por escritores que exploram temas e personagens ligados ao passado mitológico da Irlanda; neste grupo enquadramos Lady Gregory, W. B. Yeats, Lord Dunsany, James Stephens e Seumas O’Kelly. Já o segundo grupo, é formado por escritores que abordam o cotidiano dos irlandeses de uma perspectiva mais contemporânea e com um nítido caráter de crítica, social e política; neste grupo temos George Moore, Somerville & Ross, Bram Stoker, James Joyce e Liam O’Flaherty.

Marcado por um forte impulso criativo, o período de 1902 a 1923 ilustra como a literatura irlandesa moderna contribuiu para a afirmação da identidade nacional e de um modo de vida genuinamente irlandês.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*