De encômios e oximoros | Fábio Campana

De encômios e oximoros

Os intelectuais peemedebistas (perdoem mais este oximoro) estão convocados para o lançamento da obra jurídica de Luís Cláudio Romanelli intitulada “Direito à moradia à luz da gestão democrática”. Mereceu encômios da dupla Bouvard e Pecuchet, Pires & Pissetti. Requião declarou que o livro tem significação histórica. A secretária de Cultura, Vera Mussi, fará discurso no evento. O autor lastima a ausência de seu principal orientador, o secretário Maurício Requião, que estará na Venezuela para receber fluídos do chavismo.Será no dia 11, na Livraria Saraiva do Shopping Crystal.


3 comentários

  1. CORREGEDOR
    sexta-feira, 7 de dezembro de 2007 – 13:49 hs

    Sr. Campana:

    Pare de maltratar o idioma: oximoro não tem acento.

    Se duvidar, Campana culto é um oximoro.

  2. álvaro
    sexta-feira, 7 de dezembro de 2007 – 15:25 hs

    Mas também não passa de acento de “mierda”

  3. June
    sexta-feira, 7 de dezembro de 2007 – 23:15 hs

    Senhor Corregedor no wikipedia as duas formas com e sem acento são consideradas.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*