Crise sem fim | Fábio Campana

Crise sem fim

O nosso colégio de referência, o Estadual do Paraná, está imerso em crise que mais se explica pela politicalha na direção que pelas razões didáticas ou pedagógicas apresentadas pela turma que ocupa a área.

Assim caminha a humanidade nesta área do planeta governada por Requião. Os televisores alaranjados para as salas de aula como instrumento de ajuda ao professor, se não servem para os objetivos que justificaram a sua compra, serviram ao menos para colocar a questão da educação na pauta principal dos problemas do Paraná. O resultado, como se vê, é deprimente.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*