Assim caminha a humanidade | Fábio Campana

Assim caminha a humanidade

Há quem não queira participar do encontro de pessoas que desembarcaram da nau do Requião. Por motivos vários, que vão da disciplina partidária à independência crítica ou mesmo por motivos de ocasião.

Dentre elas há figuras respeitáveis como José Ferreira Lopes, o Doutor Zequinha, médico que ficou famoso quando enfrentou a cavalaria da PM com um estilingue, cena que rendeu foto que ganhou o prêmio Esso de jornalismo. Ou o médico Angelo Col, militante da esquerda dos tempos da resistência ao regime fardado e também o médico Vitor Moreschi, da mesma origem.

Mas há também novas adesões, segundo os organizadores. O Vitório Serathiuk garante que só do pessoal que milita na defesa do meio-ambiente há um batalhão de desafetos que o procuram para saber do encontro e que pretendem fazer do evento uma grande manifestação da esquerda independente contra as arbitrariedades cometidas na prisão de Elma Romanó, a engenheira que teve a coragem de encarar o governo e denunciar falcatruas no IAP de Ponta Grossa.


Um comentário

  1. jango
    terça-feira, 27 de novembro de 2007 – 13:36 hs

    Há um diálogo famoso no filme “Assim caminha a Humanidade” (Giant). Diz Leslie (Elizabeth Taylor): “Dinheiro não é tudo, não sabe ?”. Responde Jett (James Dean): “Não quando você o tem!” O primeiro grupo parece mais a Leslie, o segundo a Jett Ritt. O filme não teve happy end.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*