SOS Saúde | Fábio Campana

SOS Saúde

Ney Leprevost, presidente da comissão de saúde na Assembléia, usou a palavra parlamentar para notícia de um problema que atinge a população londrinense. “Há falta de remédios excepcionais de uso contínuo em Londrina. Isso envolve pelo menos 60 pacientes”, informa Leprevost. O deputado, que discursou dando a entender que o governo não está agindo de maneira operacional em Londrina, se empolgou no pronunciamento: “Esse é um problema que não pode esperar. Não é uma questão política, não é uma questão ideológica, é uma questão humana. Por isso faço um apelo aos deputados que são amigos do governador para que eles levem o problema até ele. Com a vida humana não se brinca”.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*