Bolivarianismo ou nada | Fábio Campana

Bolivarianismo ou nada

O governo do Paraná, que já abriu rodovia direta entre Curitiba e Caracas, quer ampliar o diálogo bolivariano. Uma missão empresarial e governamental para a Colômbia já tem data para “carpir o pé”: dia 20 de outubro. “Nosso foco internacional está no Mercosul. Chegou o momento de abrirmos novas oportunidades com parceiros não-tradicionais, como o mercado colombiano”. Palavras do secretário da Indústria, Comércio e Assuntos do Mercosul, Virgílio Moreira Filho.


2 comentários

  1. José Beto
    segunda-feira, 1 de outubro de 2007 – 15:06 hs

    Em primeiro lugar, gostaria de cumprimentá-lo, jornalista. Este espaço é leitura obrigatória para todos que acompanham a cena política paranaense. Depois, preciso salientar que empreender é preciso. Portanto, toda iniciativa de abrir novas frentes para a prosperidade do Paraná é bem-vinda. Viva o bolivarianismo.

  2. jango
    segunda-feira, 1 de outubro de 2007 – 16:06 hs

    Principalmente, viva o bolivarianismo “com viagens ao exterior” às custas do erário público ! E as ditas autoridades de controle público, cheias de prerrogativas, régios salários e códigos e normas não se preocupam em saber quais os benefícios trazidos ao Paraná e ao povo paraneanse com tais viagens bolivarianas ? Tudo isto vai na conta do voto do povão do Paraná ! Tá ligado povão bão do voto !

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*