Sanepar em greve | Fábio Campana

Sanepar em greve

Seca
 
A União dos Sindicatos dos Trabalhadores na Sanepar (USTS) prometeu greve para hoje. Por tempo indeterminado. Os trabalhadores reivindicam 20% de reajuste. A direção da companhia cede sucessivamente, mas nunca chegou ao índice proposto pelos trabalhadores.
 
Negociação
 
 Primeiro, a Sanepar ofereceu, 3,12% de aumento. Depois, escalonou o reajuste: aumento de 10,8% para quem recebe até R$ 974; 7,8% para quem ganha até R$ 1.259 e 3,12% para os salários acima de R$ 1.259. A data-base da categoria é 1º de março. O piso salarial na Sanepar é de R$ 651.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*