Bala | Fábio Campana

Bala

César Setti jura que a sua viagem ao Japão, na comitiva de Requião, foi paga pelo grupo nipônico Royal Star, interessado em construir um trem-bala entre Londrina e Maringá. Valdir Rossoni duvida. Cobra explicações do governo. Quer a identidade dos integrantes da comitiva e quem custeou as despesas.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*