Agonia | Fábio Campana

Agonia

Se Requião tem pressa, o Senado nem tanto. O prazo para a apreciação da MP 368/07, que receberá a emenda salva-vidas das contas do estado, é dia 05 de julho. Prorrogável por 60 dias. Mas os burocratas de Brasília advertem: “com Renan Calheiros sob análise do Conselho de Ética e o recesso parlamentar a MP vai demorar a entrar na pauta”.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*