Via Campesina mantém ocupação da Syngenta Seeds | Fábio Campana

Via Campesina mantém ocupação da Syngenta Seeds

Desocupação
 
Venceu ontem o prazo de reintegração de posse da Fazenda Syngenta Seeds, ocupada pela Via Campesina. A partir de hoje será cobrada multa diária de R$ 50 mil do governo. “Ou melhor, do povo. Os paranaenses passam a arcar com o prejuízo”, atacou o deputado Élio Rusch.
 
Culpa dela?

Na Secretaria de Segurança Pública, nem aí. Não receberam notificação da Procuradora-geral do Estado, Jozélia Broliani. Sem a papelada, nada de polícia.
 
Na Justiça
 
A Procuradoria Geral do Estado (PGE) explica: há um recurso correndo no Tribunal de Justiça. Questiona-se o local no qual correu a ação. Para o governo o foro apropriado seria Cascavel, e não Curitiba.
 
Roer unhas
 
A ansiedade na PGE é de trincar os dentes, tinham por certa a decisão ontem mesmo. Mas somente às 16h15 o recurso foi encaminhado ao desembargador Paulo Roberto Hapner. A decisão vem logo, a favor ou contra. O problema é a multa.
 
Pessutão
 
O vice-líder da oposição vai mais longe. Carimba a ida de Requião ao Japão como oportunista, pois deixa a desocupação com o vice-governador. “Essa ficou para o Pessuti resolver”, alfineta Rusch.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*