Papelão do prefeito de Guaratuba | Fábio Campana

Papelão do prefeito de Guaratuba

Roberto Justus é prefeito de Guaratuba. A cidade contabilizou 3.266 votos a Nelson Justus (que se reelegeu deputado estadual com 38.349). Mas o número baixo de votos revoltou o filho, que, em áudio, intitulou-se também ‘cabo eleitoral’ e tratou de misturar as funções “Na condição de prefeito e cabo eleitoral de Nelson Justus, preciso repensar nosso trabalho e nossa gestão. Por conta disso, resolvi exonerar todos os secretários, todos os cargos comissionados, do CC1 ao CC4. Vou pensar aonde que nós erramos. Porque a população não aprova o nosso trabalho, o trabalho de vocês. Vou montar um novo grupo, um novo plano de governo. Muito obrigado mesmo, sem nenhum tipo de mágoa. É uma mudança de rumo. Hoje vou publicar um decreto e vou avaliar muito cautelosamento todas as nomeações daqui pra frente”.
Pouco tempo depois, percebendo a confusão de papeis, Roberto Justus voltou na decisão e publicou em seu Facebook: “Hoje fui confrontado com minha própria condição humana, senti a dor de um filho que vê seu pai ser injustiçado e desabafei… E ao desabafar feri pessoas que não gostaria que fossem feridas, por isso venho aqui me retratar e me desculpar. No meu olhar de filho, ao ver os resultados das urnas deste ano, entendi que ele deveria ter conseguido muito mais votos de nossa cidade. Mas sua votação aqui foi de 3.266 votos. Essa ausência de reconhecimento nas urnas me feriu. O resultado também me fez pensar que estaria sugerindo uma reprovação à minha atuação na prefeitura. Por isso gravei um áudio para os meus secretários falando em mudança de rumos e demissões em massa, o que não vai ocorrer”.

Humano, demasiadamente humano.


34 comentários

  1. terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 9:25 hs

    Sr. Prefeito: é bom cuidar melhor da cidade e deixar a política de lado. Para isso o Sr. foi eleito pela população laboriosa de Guaratuba. Lembre-se da limpeza pública e melhoria da orla, pois a temporada de praia está para chegar e os turistas, que vão levar dinheiro para movimentar a economia local, devem ser bem tratados. A propósito, é preciso arborizar melhor a via beira mar, eis que os coqueiros produzem pouca sombra e estão muito mal tratados.

  2. Ironico
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 9:29 hs

    Ate parece o outro Roberto Justus “vocês estão demitidos”. Kkkkkkkkk

  3. Edson Luiz
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 9:38 hs

    Meu Deus!
    O coronelismo, as vezes, deixa cair a mascara!!!
    Sabe o que cai bem a prefeitinhos desse naipe?….um raio!

  4. NÃO VOTE EM QUEM JÁ FOI
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 9:41 hs

    Senhor Prefeito. Não fique triste porque o lugar certo para o seu candidato seria a cadeia.

  5. Marcos
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 9:46 hs

    Um dos que escaparam da degola foi esse bandido travestido de deputado que é o Nelson Justus. É um ladrão sem vergonha e não merecia voto de ninguém.

  6. Jeff
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 9:53 hs

    E desde quando demitir cargos comissionados é desaprovado pela população ou pelo Tribunal de Contas? Motivos políticos? Ok. Mas os cofres públicos de qualquer município agradece que estes cargos sejam extintos.

  7. Balneário
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 10:06 hs

    Alô população de Guaratuba… 2020 tá perto, não esqueçam desse fato e botem o menino mimado pra fora. Já passou da hora de tirar essa galera de cena. 2020 Eleições Municipais… NÃO ESQUEÇAM!!!

  8. maria
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 10:29 hs

    E o nosso respeitável Ministério Público??? Não fará nada com a confissão expressa do e. Prefeito de utilização da máquina pública em favor de seu pai, o eterno presidente Nelson Justus.
    A revolta do prefeito é natural, pois tinha conhecimento que se papai não fosse eleito, seu caminho seria o mesmo do memorável Bibinho – que é o único que paga pelos prejuízos gerados com o Diários Secretos.

  9. Luiz Flavio
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 10:51 hs

    Minha segunda cidade do coração, Guaratuba, virou latifundio da família Justus. Saiu a Tia que não fez P….a nenhuma e entrou o sobrinho. Agora, o pilantra ser reeleito, é pra acabar com o Paraná. É o velho e sábio ditado popular “O POVO TEM O GOVERNO QUE MERECE” e no caso de Guaratuba, o povo tem a familia Justus que merecem.

  10. Cicero Domingos
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 10:58 hs

    Meu deus será que estamos retornando na era do voto cabresto ? Vc tem que votar em quem eu mandar kkkkkkkk

  11. terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 11:03 hs

    QUEM MANDA ELEITORES SACOS DE BOSTA AINDA ACREDITAR EM GERAÇÃO DE POLÍTICOS PROSTITUTOS!!!

  12. bs
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 11:07 hs

    Tal pai, tal filho

  13. angela klein
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 11:36 hs

    O melhor cabo eleitoral é um trabalho bem feito!

  14. terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 11:39 hs

    O melhor cabo eleitoral é o trabalho árduo, bem realizado, limpo e transparente.

  15. Daniel Camargo
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 11:40 hs

    O cara deveria é ter VERGONHA de ter uma pai desse. Aliás a população de Guaratuba deveria, também, ter VERGONHA de ter um prefeito desse nível. Chega desta corja mamar nas tetas do dinheiro público, gente sem capacidade e competência, verdadeiros IDIOTAS que se encostam na vida pública pra falar essa asneiras, como essa MULA.

  16. Valdonir
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 13:07 hs

    Cambada de Jaguaquara, só sabe cobrar impostos e colocar asfalto sobre o mesmo , valetas abertas e a decantacao da Sanepar com vazamento de gás metano caso de saúde pública…

  17. Jorge Peres
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 14:56 hs

    Antes de ser Prefeito, ele é filho, pai, marido, isso que dizer… Humano, cometemos falhas, mas admiro seu trabalho, apesar de morar aqui em Guaratuba a somente dois anos, vi muitas melhorias na cidade.

  18. Tia Amélia
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 15:29 hs

    É só dar o troco nas Urnas em 2020 !! FORA FAMÍLIA JUSTUS!!!

  19. terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 17:59 hs

    AMIGOS, IRMÃOS DE GUARATUBA. QUE LAMBANÇA, MUITO PRÓPRIA DE UMA PESSOA DESEQUILIBRADA, QUE NÃO MERECE E NEM FAZ JUS AO QUE PAGAMOS COMO SEU SOLDO.
    AINDA HÁ TEMPO. COMO FIZEMOS COM OS OUTROS CORRUPTOS DESSE PAÍS, VCS DEVERÃO FAZER EM 2020 COM ESSE GAIATO. O POVO DE GUARATUBA É MUITO SÁBIO, A ARMA PRINCIPAL PARA ISSO É O VOTO. QUERO ESTAR JUNTO, PARA FAZER A MINHA PARTE. FORTE ABRAÇO. ANTONIO MOREIRA – SÃO MATEUS DO SUL – PR

  20. troll
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 18:00 hs

    Discordo totalmente. Apoiado prefeito, porque cueca de seda é contratado com esta única incumbência, puxar votos para o prefeito e para a cambada dele. Se não está dentro então está fora. E traidor a gente trata assim mesmo. Não se esqueçam nunca, cueca de seda não é concursado, é de livre escolha e nomeação do prefeito . Ou do pai do prefeito.

  21. Marcello
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 19:36 hs

    Sinceramente não entendi como podem eleger o Nelso Justos. Essa raposa felpuda devia ser sido enxotada da vida pública.

  22. Luiz Flávio
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 19:39 hs

    Esse prefeito tem que ser cassado por ter utilizado funcionário público em benefício próprio. E os processos contra o pai tem que andar mais rápido para não prescrever e o malandro se livrar da cadeia.

  23. na canela
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 19:43 hs

    Guaratuba não é propriedade de vagabundos. Esse perfeitinho de merda tem que ser processado por PREVARICAÇÃO, cidadãos, mexam seus corpinhos e botem pra quebrar. Facam panelaco, não deixem passar em branco essa servengonhice.

  24. na canela
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 19:48 hs

    Guaratuba não é propriedade de vagabundos. Esse perfeitinho de merda tem que ser processado por PREVARICAÇÃO, cidadãos, mexam seus corpinhos e botem pra quebrar. Facam panelaco, não deixem passar em branco essa sem vergonha safado.

  25. #forafamiiaJustus
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 19:58 hs

    O nobre deputado e REU em várias ações de improbidade administrativa, apareceu na RPC nesta noite dando entrevista. Com aquela cara de cinismo habitual, DEBOCHOU de Guaratuba ao afirmar que não tem mais compromisso com Guaratuba. Como assim? Essa família tem que ser expurgada da política Paranaense.

  26. Luiz Flávio
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 20:12 hs

    Marcello, como dizia o Requião sobre a personalidade e o carater de Aníbal Khury: “RAPOSA DO RABO FELPUDO”. Pelo jeito a Raposa foi um bom professor.

  27. Luiz Antonio
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 21:51 hs

    Lamentável! Um mimadinho birrento, um pai picareta que já deveria ter sido mandado para a cadeia há tempos ou milhares de eleitores sem memória, mal informados ou mal intencionados mesmos.

  28. Servidor eevoltado5
    terça-feira, 9 de outubro de 2018 – 22:15 hs

    É aí vereadores de oposição, uma das funções desta casa é fiscalizar os atos do Executivo. O que estão esperando para abrir um Processo Administrativo Disciplinar contra o prefeito? Querem prevaricar também?

  29. Ze Brasao
    quarta-feira, 10 de outubro de 2018 – 7:13 hs

    Onde esta a Justiça Eleitoral e o Ministério Público??????

  30. troll
    quarta-feira, 10 de outubro de 2018 – 10:07 hs

    KKK tive casa nesta cidade durante duas décadas, aí perdi a paciência com esta gente e esta cidade. Felizmente um casal me livrou deste suplício. O que o prefeito fez é próprio de cidades pequenas como esta, onde a prefeitura é a grande empregadora. Aí quem entra pela porta dos fundos está sujeito a isto, votar com o prefeito. Traidor a gente trata assim mesmo.

  31. Mário Edson Fischer
    quarta-feira, 10 de outubro de 2018 – 12:40 hs

    Em relação ao ocorrido creio que cabe esclarecer :

    Eu ocupo desde Novembro de 2017 a convite do Prefeito Municipal, o Cargo em Comissão de Secretário Municipal de Infraestrutura e Obras da Prefeitura Municipal de Guaratuba, cargo esse, por definição legal, de livre nomeação e exoneração por parte do chefe do executivo municipal, no caso, o Prefeito.

    O Prefeito de Guaratuba postou o áudio em questão, em um grupo fechado composto dele e mais 13 Secretários Municipais com a finalidade de agilizar a comunicação e acompanhar as atividades e necessidades de cada pasta.

    Postou julgando estar conversando com um grupo de sua inteira confiança , pois todos foram escolhidos por escolha pessoal dele, ressaltando que iríamos conversar e que alguns permaneceriam outros não, conforme a sua avaliação, sempre frisando que no seu ver, a população não estava satisfeita com desempenho do secretariado, expressando isso votando em um candidato sabidamente sem chance alguma de ser eleito a Deputado Estadual e representar de fato a cidade, unicamente por pertencer a um grupo de oposição ao grupo político do atual Prefeito .

    Infelizmente alguém desse grupo restrito e de confiança, vazou esse áudio para terceiros fora do contexto do grupo e sem postar também a postura da maior parte dos componentes do grupo, entendo a posição do prefeito e colocando seus cargos a disposição, e muito menos a RETRATAÇÃO do Prefeito que ocorreu pouco tempo depois no âmbito do próprio grupo , mudando a definição de exonerar todos os cargos de uma vez . ISSO NÃO FOI VAZADO !!!!

    Quem vazou o áudio por certo, não tem a devida noção de que, quem assume um cargo em comissão por convite do Prefeito, sem prestar concurso público ou qualquer tipo de teste seletivo, precisa estar preparado tanto para desempenhar as funções do cargo, quanto para ser exonerado a qualquer momento pelo mesmo Prefeito que o convidou. Isso acontece em TODOS os Municípios e Estados do País, sem nenhum tipo de comoção pública.

    Se não houvesse ocorrido essa ruptura de confiança e falha de retidão de caráter de quem vazou o áudio dessa maneira, tudo isso NÃO ESTARIA SENDO EXPLORADO PELAS MÍDIAS, e as demissões de CARGOS EM COMISSÃO ( não funcionários) que viessem a ocorrer seriam tranquilamente assimiladas pelas substituições das pessoas, sem nenhum tipo de prejuízo para população. Da mesma forma que ocorre em uma empresa que precisa se adequar ao mercado ou um time de futebol que não está desempenhando bem.

    CARGOS EM COMISSÃO NÃO TEM DIREITO A ESTABILIDADE. São de livre nomeação e exoneração do chefe do executivo.

    Mário Edson Fischer

  32. Tia Amélia
    quarta-feira, 10 de outubro de 2018 – 12:52 hs

    O rapazinho foi criado no posso tudo, na arrogância e prepotência, deu isto!! Arrogante e Babaca!

  33. jose
    quarta-feira, 10 de outubro de 2018 – 14:59 hs

    o guaratuba acorda, esse não merece ser o prefeito de vcs. lamentável

  34. Jéssica Cláudia
    quarta-feira, 10 de outubro de 2018 – 15:31 hs

    É o resultado do trabalho da família, o povo demorou, mas acordou!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*