Paraná precisa resgatar políticas de incentivo, afirma João Arruda | Fábio Campana

Paraná precisa resgatar políticas
de incentivo, afirma João Arruda

Paraná precisa resgatar políticas
de incentivo, afirma João Arruda

O Paraná precisa resgatar as políticas de incentivo aos pequenos empreendedores, que são os principais geradores de empregos. É necessário também estimular a contratação de jovens nas empresas, “no chamado primeiro emprego”. As afirmações são do candidato do MDB ao Governo do Estado, João Arruda, ao participar na manhã desta sexta-feira (17), da sabatina da Universidade Positivo, em Curitiba.

“Precisamos retomar a tradição de incentivos aos micros e pequenos empreendedores, marca do Governo do PMDB no Paraná”, ressaltou João Arruda. “Vamos voltar a trocar impostos por empregos”, ressaltou o candidato, no evento promovido pelos centros acadêmicos dos cursos de Jornalismo e Direito.

João Arruda lembrou que pesquisa recente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontou que entre os estados do Sul do Brasil, o Paraná lidera o ranking de desempregados, com 8,3%. “Essa taxa é alta principalmente entre os jovens”, frisou.

O candidato também abordou o endividamento dos paranaenses, que chega perto de 90%, contra uma média nacional de 60%. Entre causas, afirmou, estão o aumento das tarifas de água e luz, além da alta dos impostos, fatores que contribuíram para este quadro que assola a população.

“Nós podemos mudar o Paraná e fazer um grande governo”, ressaltou João Arruda, reforçando que não irá fazer promessas que não são viáveis durante a campanha eleitoral. “É preciso fazer o básico”, disse.

Contexto
A sabatina com os candidatos ao Governo do Estado, integra a programação do Meetcom 2018, circuito de palestras e atividades que este ano debate a Comunicação Política e as Eleições 2018. Entre os entrevistadores a jornalista da Gazeta do Povo e professora de Jornalismo, Katia Brembatti, a presidente do Centro Acadêmico de Jornalismo, Ana Tereza May, a estudante de Publicidade, Ana Julia Hofmeister, e o estudante de Jornalismo, Mateus Gripp.

A sabatina com João Arruda abordou temas como segurança, saúde e educação. O candidato do MDB fez uma breve apresentação de sua trajetória política e seu plano de governo. “Não sou candidato de propostas mirabolantes” enfatizou.

“No dia 7 de outubro, o eleitor paranaense terá uma grande oportunidade de definir se quer a continuação do Governo de Beto Richa ou se quer mudança”, ressaltou. Na segurança, ele adiantou que é preciso dar sequência às obras que estão paradas ou até mesmo em andamento, antes de iniciar novos projetos.


4 comentários

  1. Sapo Eletrico
    sexta-feira, 17 de agosto de 2018 – 23:44 hs

    João Arruda é um daqueles candidatos nanicos, que nada mais sabe fazer que criticar Ratinho, entre outros.

    Tenho visto isso desde 1984, quando o PT só sabia criticar seus oponentes

    Claro, pois já está a beira do precipício, nada tem a perder.

    Como um time em decisão de campeonato, aos 40 minutos do 2.o tempo, perdendo de 3 x 0, só lhe resta quebrar o adversário com jogo sujo.

  2. sábado, 18 de agosto de 2018 – 8:43 hs

    Bah,kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!

  3. Petrus
    sábado, 18 de agosto de 2018 – 10:43 hs

    Bah, sobrinho, cê tem que resgatar os dois principais projetos de seu tio ML: o Leitinho das Criança e Projeto dos Milhões de Alevinos sortos no Iguaçu!! Aliás, nos 12 anos do falante Governador, obras mesmo nunca se viu, mas propaganda abundou!!!

  4. JÁ ERA...
    domingo, 19 de agosto de 2018 – 5:44 hs

    Este é o candidato “espelho”, isto é se olhar bem é a cara do
    Requião. Não vai dar certo nunca !!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*