Piada na pauta | Fábio Campana

Piada na pauta

O que fazer no país da piada pronta caso prospere o que está em jogo no STF? A Corte avalia um artigo da Lei Eleitoral que limita piadas e sátiras políticas na TV e no rádio no período de eleições.
A coisa é séria. Os humoristas conseguiram em 2010 uma liminar com a garantia de fazer paródias sobre políticos, se isso cair, o risco de censura começa a rondar novamente os meios de comunicação.
E como nos ensinou o mestre Solda, “Se não for divertido, não tem graça”.


Um comentário

  1. Doutor Prolegômeno
    quarta-feira, 13 de junho de 2018 – 12:09 hs

    Eu prefiro os palhaços profissionais, herdeiros de uma tradição milenar. Os amadores estão fazendo do Brasil o desastre que aí está. Saudade dos programas do Carequinha, da minha infância carioca, dos tempos de outrora.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*