Brasil não reconhece resultado das eleições na Venezuela | Fábio Campana

Brasil não reconhece resultado das eleições na Venezuela

Nicolás Maduro foi declarado vencedor das eleições na Venezuela neste final de semana, o Brasil considera que a votação não ocorreu “em conformidade com os padrões internacionais de um processo democrático, livre, justo e transparente”. Acompanham o governo brasileiro, Argentina, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Guatemala, Guiana, Honduras, México, Panamá, Paraguai, Peru e Santa Lúcia em documento assinado pelas autoridades dos países em que manifestam “não reconhecem a legitimidade do processo eleitoral que teve lugar na República Bolivariana da Venezuela, concluído em 20 de maio passado, por não estar em conformidade com os padrões internacionais de um processo democrático, livre, justo e transparente”.

(Foto: Twitter)


5 comentários

  1. PEDROCA DO SUDOESTE
    segunda-feira, 21 de maio de 2018 – 11:05 hs

    Ah. Caso fosse outro governo que estivesse no poder, estariam apoiando e legitimando.Por quê a petezada não se manifgesta ?

  2. Veredito
    segunda-feira, 21 de maio de 2018 – 12:01 hs

    Espere Pedroca do Sudoeste. Certamente ainda hoje a senadora presidenta do pt (de hoje em diante tudo no minúsculo) vai se manifestar dizendo que a eleição do Maduro foi correta e que lá prevalece os ” direitos da Pessoa Humana, e vai reafirmar que é coisa que não acontece aqui no Brasil”. É só esperar…..

  3. Xurupita
    segunda-feira, 21 de maio de 2018 – 14:24 hs

    Esse maduro na verdade já está completamente podre!

  4. lika
    segunda-feira, 21 de maio de 2018 – 17:20 hs

    A bata desse vagabundo está assando. Lembram da arrogancia do Sadan e do Kadafi, uma hora a casa cai.

  5. Juca
    segunda-feira, 21 de maio de 2018 – 20:36 hs

    Olha só o que o SS Calça Frouxa escreveu em seu facebook (Aparecido Sérgio Silvestre):

    “Na Venezuela o voto não é obrigatório,os opositores concorreram,lá não prendem quem está na frente,a ditadura é lá ou aqui.”

    “A Venezuela não quer ser a “ZONA” dos EUA,já um certo Pais mais ao Sul de um povo domado pela Globo não vem ao caso.”

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*