Cida quer solução imediata para manutenção da frota | Fábio Campana

Cida quer solução imediata
para manutenção da frota

A governadora Cida Borghetti determinou nesta quinta-feira (19) que a equipe de governo encontre uma solução imediata para que veículos oficiais não fiquem parados em oficinas por conta de questões administrativas e burocráticas. Cida ressaltou que não faltam recursos para o pagamento dos serviços e que os processos internos e da empresa contratada para gerir a frota têm que ser mais ágeis.

“A solução passa pela organização e o planejamento dos setores do Estado que mais demandam estes serviços. Também determinei a cobrança de todas as exigências contratuais da empresa responsável para que os veículos não fiquem retidos em oficinas. Temos recursos para pagar pelos serviços e o processamento tem que acontecer sem atrasos”, afirmou Cida.

Atualmente, o Estado tem uma frota de 22.303 mil veículos e máquinas. Desses, 3.985 são novos, adquiridos nos últimos três anos. Outros 5.764 veículos estão em uso entre quatro e oito anos. A grande maioria – 12.554 – ultrapassa a idade de oito anos em uso.

Do total de veículos, 19.931 estão sob responsabilidade da JMK, empresa que venceu a licitação para realizar a manutenção da frota. Em operação efetiva, são 17.367 veículos e máquinas. Os demais são considerados inservíveis e deverão sere leiloados.

Nesta semana, cerca de 21,6% da frota tinha ordem de serviço para manutenção. Isto representa que 3.768 veículos têm pedidos de orçamentação (ainda em uso), estavam em conserto ou prestes a ser retirado. A maior parte é vinculada ao setor de segurança pública, que administra 10.351 mil viaturas em todo o Paraná.

PAGAMENTO – Em 2018, já foram efetuados 3.599 pagamentos à JMK, que totalizam R$ 4,7 milhões. Nesta sexta-feira haverá o pagamento de mais R$ 883 mil. No ano passado foram pagos R$ 57.011.544,65 para manutenção da frota. A relação entre a empresa e as prestadoras de serviço por ela contratadas é um ato entre particulares, com as regras estabelecidas entre as partes. O Estado não tem interferência nessa relação.


9 comentários

  1. Paranaense
    quinta-feira, 19 de Abril de 2018 – 16:14 hs

    Na minha cidade, se falar em JMK / Governo, ninguém quer prestar serviço. Saí todo mundo correndo.
    Dureza.

  2. Uncle Joe 100
    quinta-feira, 19 de Abril de 2018 – 17:24 hs

    O Betinho bancou o legal com a dona Cida, deixou este tipo de “questões” para ela resolver, são coisas que ele poderia ter resolvido pois tempo mais do que suficiente para isto. Agora a dona Cida aparece todo dia na mídia trabalhando, na verdade ela está fazendo coisas sem tanta relevância assim mas que dão ibope, porque as mentes mais fracas confundem este tipo de coisas com administração séria. Adoro demagogia barata.

  3. Thaís Tatiane
    quinta-feira, 19 de Abril de 2018 – 17:55 hs

    Tenho certeza que a governadora Cida vai conseguir resolver esta situação. Uma pena terem deixado está bucha para ela. Mais do que nunca terá que mostrar resultados.

  4. Aloisio
    quinta-feira, 19 de Abril de 2018 – 17:56 hs

    Que bucha essa sra. pegou.

  5. Fernando10
    quinta-feira, 19 de Abril de 2018 – 19:09 hs

    Abra o olho Cida, a COMEC/SEDU está cheia de cabos eleitorais do Ratinho acomodados em poupudos cargos comissionados “trabalhando” na campanha deste parlamentar. Esses votos poderão ser decisivos e você poderá ficar de fora do 2º turno se não corrigir essa gentileza feita por seu antecessor. Mantendo esse pessoal a onde estão você está ajudando o seu oponente.

  6. Ricardo
    quinta-feira, 19 de Abril de 2018 – 23:00 hs

    Porque só agora ela quer solução rápida..!? Como vice não podia fazer nada?! Nem exigir, muito menos opinar….
    Bucha que nada… são anos de descaso, agora querem pegar um pra Cristo.
    Como a excelentíssima citou, “o estado não pode interferir nas relações comerciais entre a prestadora e as oficinas”, mas que os estado tem dinheiro pra pagar, e vem pagando! Ou seja, a prestadora não está pagando as oficinas! Portanto não tem prq manter contrato com uma empresa que não fornece o contratado… simples assim governadora..
    Menos mídia e mais ação..

  7. tadeu rocha
    sexta-feira, 20 de Abril de 2018 – 7:47 hs

    THAIS, VOCE ESTA CERTA, BETO DEIXAR ESSA BUCHA PARA ELA,, OS PARANAENSE ELES VÃO ENTENDER, QUE ESSA MULHER É MELHOR PARA NOSSO PARANÁ,CHEGA DE SAI UM ENTRA OUTRO NO MESMO ESQUEMA,. CIDA ONTEM PV FOI COM RATINHO. MAIS TEM NAS REGIONAIS MUITO PV, É HORA DA LIMPA CIDA,

  8. xiru de palmas
    sexta-feira, 20 de Abril de 2018 – 9:08 hs

    É só conversar com o primo distante (Abi Antun) que coordena esta falcatrua.
    Aliás a senhora tem um candidato forte para colocar no lugar do primo distante, o seu irmão distante.
    Fica tudo igual

  9. Maquiavel
    sexta-feira, 20 de Abril de 2018 – 9:32 hs

    Se não está dando conta de continuar o governo deixado arrumadinho pelo Beto…porque quer mais 4 anos?

    Imagina o que iria conseguir fazer se tivesse a caneta cheia.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*