TJ manda deputado remover vídeo em que ataca Gleisi | Fábio Campana

TJ manda deputado remover vídeo em que ataca Gleisi

O deputado Missionário Ricardo Arruda (PEN) vai ter que tirar vídeo que postou no Facebook em que fala de Gleisi Hoffmann e do PT. Na peça ele usa expressões como “partido criminoso”, “mentirosos, bandidos e vagabundos”.
A decisão é do desembargador Carvílio da Silveira, do Tribunal de Justiça do Paraná. Depois de analisar a ação movida por Gleisi, que processou o deputado por injúria, o desembargador proferiu a justificativa pela decisão: “perigo de dano à honra” da senadora.

(Foto: Evaristo Sá/AFP?JC)


5 comentários

  1. Thiago Almeida
    quarta-feira, 21 de março de 2018 – 11:05 hs

    ESTÁ CERTO O DESEMBARGADOR. INDEPENDENTE DE SER A PETRÁLHA OU QUALQUER OUTRO. AS PESSOAS TEM QUE APRENDER A RESPEITAR A LEI. A INTERNET NÃO É MUNDO DE NINGUÉM. A LEI DEVE VALER PARA ESSE POVINHO DA INTERNET.

  2. Arnaldo Egberto Pinheiros
    quarta-feira, 21 de março de 2018 – 13:14 hs

    Tá, não pode falar “partido criminoso”, “mentirosos, bandidos e vagabundos”, mas vem cá, e incitar a violência e a desobediência civil, com frases como “não vamos aceitar pacificamente a prisão do lula”, “vai morrer gente”… Isso pode? Pode?

  3. Flávio
    quarta-feira, 21 de março de 2018 – 13:44 hs

    Impressionante esta mulher já xingou e ameaçou até parar o País e nada………..e aí alguém fala a verdade e deu no que deu.

  4. Tarzan
    quarta-feira, 21 de março de 2018 – 13:45 hs

    Essa pseudo senadora tem é que ficar muito calada, nossos ouvidos não são latrinas. Além do mais, nós pagamos o salário dessa persona nom grata que só fica defendendo as maracutaias do pt e ferrando e denegrindo a imagem do nosso Estado, o Paraná!

  5. Rr
    quarta-feira, 21 de março de 2018 – 17:45 hs

    Essa aí,as FFAA tem que mater a baineta na bartiga,justiça feita.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*