Os R$ 51 mi, a Caixa Econômica e a J&F. | Fábio Campana

Os R$ 51 mi, a Caixa Econômica e a J&F.

A Polícia Federal investiga o elo entre o bunker dos R$ 51 milhões atribuídos aos irmãos Lúcio e Geddel Vieira Lima e supostos esquemas de corrupção na Caixa Econômica Federal. Os investigadores apreenderam atas da instituição na casa da mãe do ex-ministro de acordo com relatório que o Estado teve acesso. O documento mostra que a Caixa liberou R$ 5,8 bilhões em créditos a empresas investigadas. Do total, R$ 4,4 bilhões foram destinados a empresas da holding J&F. A mãe do ex-ministro, Marluce Quadros Vieira Lima, também é uma das denunciadas na investigação.
As informações são do Estado de S. Paulo.


3 comentários

  1. Sergio Silvestre
    terça-feira, 13 de fevereiro de 2018 – 13:09 hs

    Pode ter certesa que esse dinheiro é do Lula,e dos filhos,voces vão ver que logo vão achar um jeito de livrar o Geddel e por a culpa em alguem.Cambada de malandros roubar dinheiro e esconder no apto do Geddel.

  2. terça-feira, 13 de fevereiro de 2018 – 17:32 hs

    Sergio Silvestre, o “apertamento” não era do Geddel seu otário !

  3. RICARDO JOHANSEN
    quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018 – 17:19 hs

    Caro FABIO, enquanto os últimos moicanos da quadrilha da ORCRIM petista, afirmam que o produto do roubo era do ladrão condenado LULLA, a PF e o judiciário desejam saber quem forneceu os recursos e para onde iam esses valores. Enquanto os GEDEIS não informarem, que continuem presos. Como diz o ditado ” as malas que vem para o DEM, segundo livro de Gedel, capitulo 15, versículo 171. Que continuem presos, já que até agora não fizeram falta, nem para os cumpanheros. Atenciosamente.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*