Universidades não abrem dados de salários | Fábio Campana

Universidades não abrem dados de salários

Três universidades estaduais resistem em obedecer as determinações do Tribunal de Contas do Estado de incluir no sistema Meta 4, que gerencia a folha de pagamento de todos os servidores estaduais, informações sobre o gasto com pessoal. UEL, UEM e Unioeste reafirmam a decisão de recorrer à justiça para ceder o acesso a dados de despesas com o pagamento de salários, gratificações, abonos e outros benefícios que engordam o holerite de docentes e do quadro administrativo e técnico das instituições.


12 comentários

  1. OPA !
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 12:47 hs

    Então aí tem maracutaia.

  2. QUESTIONADOR
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 13:23 hs

    -Basta uma decisão judicial para impor o respeito á Lei da Transparência. Em caso de desobediência, cumpra-se o mandato de prisão contra os reitores e fim de rosca!!!
    -Lei é para ser cumprida!!!
    -Quanto aos servidores, se sentirem “ofendidos” com a exposição de seus vencimentos, que procurem a Justiça, que certamente negará seu pedido, e se começarem a chorar demais, que peçam demissão e procurem emprego na iniciativa privada…chega de mimimimi!!!

  3. Pitibul
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 13:28 hs

    Como entidades de educação e as que mais fazem greve deveriam ser a primeira a dar exemplo, isso prova que estão com medo de mostrar seus salários, ….quando fazem grave colocam holerite de algum funcionário wue ganha pouco e ficam dizendo que é salário de todo MUNDO…….sou a favor de professores serem bem remunerados,….mas se recusar a mostrar é esconder alguma voisa

  4. Jorge Hardt Filho
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 13:52 hs

    As universidades e escolas públicas foram aparelhadas pela dita esquerda. Esta não sobrevive à luz do dia

  5. pato-branquense
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 14:03 hs

    Estranho, não é? Qual o problema em mostrar?

  6. Aurélio Buarque de Hollanda
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 14:44 hs

    LAI – Lei de Acesso à Informação – neles.

  7. Luiz Antonio
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 14:46 hs

    O que será que escondem?

  8. sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 14:50 hs

    então lá tem merda !!!

  9. Adam Smith
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 16:20 hs

    Por isso tem que terceirizar as universidades públicas!
    Professores de universidades públicas, tornaram uma elite de marajás.
    Na verdade eles tem vergonha de mostrar para a sociedade os vultuosos salários que recebem por conta de manobras e mecanismo que criaram para encher os bolsos.
    Não há mais professores vocacionados, cientistas e pesquisadores. Hoje a maioria não passa de um bando de mercenários, que usurpam, fazem greves com pretextos meramente político ou por ganância.

    Certo ocasião um professor de química, graduado com uma pós, reclamava que ganhava só R$ 30 mil por mês, enquanto seus colegas ganhavam até R$90 mil por conta um manobra que criaram para triplicar seus salários.
    O governo gasta cinco vezes mais que gastaria com um aluno em uma instituição privada.

  10. eleitor desmemoriado
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 19:46 hs

    Transparência é como pimenta. é ótimo no c .. dos outros. Mas sempre chega a vez da gente, aí ninguém a quer no seu. Do que tem tanto medo estes ínclitos mestres, doutores e até com pós-doutorado? Bem diz o ditado, quem não deve não teme, o que esta gente teme?
    A ira dos seus alunos?

  11. Helena
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 22:41 hs

    Hummm! Aí tem! quem se esconde , deve alguma coisa! Eu mostro minha mísera aposentadoria bem como sua defasagem em relação às aposentadorias dos aposentados do setor público. Não somos tratados iguais conforme determina o Art. V da Constituição Federal.
    Por isso escondem até seus gordos salários.

  12. jaferrer
    sábado, 20 de maio de 2017 – 10:33 hs

    Gostaria de saber por que meu comentário não foi publicado. Somente por ter colocado o dedo na ferida e mostrado que a notícia é tendenciosa? Isso é democracia? Só publica o que é do interesse de quem apresenta a denúncia,mas não ouve o contraditório. Sugiro, novamente, que todos os que criticam aqui, abram a página do governo de estado e verifiquem; todos os salários de todos os funcionários públicos, incluindo todos os professores das IES e funcionários, estão lá, para todos verem.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*