Delator da JBS fala de Pepe Richa | Fábio Campana

Delator da JBS fala
de Pepe Richa

As delações do time da JBS não poupam ninguém. Já há 1089 nomes citados de políticos que teriam recebido propinas em campanhas eleitorais. No Paraná, Gleisi Hoffmann, Roberto Requião e, agora, Pepe Richa, entram na dança No trecho do vídeo de delação, o delator Ricardo Saud diz que entregou R$ 1 milhão,00 para Pepe Richa, irmão do governador Beto Richa. Assista o vídeo.


4 comentários

  1. eleitor desmemoriado
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 19:37 hs

    Agora sou obrigado a concordar com estes pestistas de carteirinha, delator não merece crédito, o cara “entregar” o Senador Maluco sem prova ou recibo em mãos é mesmo uma afronta. Delação vale sim com o Aécio, aquele playboy mineiro picareta e sem vergonha. Além de muito desbocado.

  2. Sergio Silvestre
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 19:40 hs

    Quanto o Requião recebeu Campana,foi em especie em frente a supermercado,foi um milhão em notas de cem e a Gleise tambem foi no supermercado e recebeu 1 milhão em especie.Os podres estão saindo,as mascaras caindo e olha que isso ai é uma pontinha do Iceberg.

  3. sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 19:54 hs

    Se gritar,pega ladrao, nao sobra um,meu Irmao

  4. Jorge Armado
    sexta-feira, 19 de maio de 2017 – 20:06 hs

    Mentira da imprensa comungo-petista. O melhor governador da história jamais cometeria qualquer ilícito. Ele pertence ao único partido brasileiro que jamais, em tempo algum, cometeu ou tolerou corrupção. Um exemplo de retidão e probidade, para o Brasil, o mundo e todo o sistema solar.

Deixe seu comentário: