Santin Roveda, a primeira semana de um prefeito em tempos de crise | Fábio Campana

Santin Roveda, a primeira semana de um prefeito em tempos de crise

O prefeito de União da Vitória, Santin Roveda, apresentou nesta terça-feira, 11, os resultados da primeira semana de trabalho à frente do comando do município do sul do Paraná. “Já no dia da posse, abrimos mão do primeiro salário do prefeito, do vice-prefeito e de todos os secretários, para colocar esses recursos na saúde de União da Vitória”, disse em vídeo gravado no facebook.

“Na segunda-feira, fizemos uma reunião com todo o secretariado, para colocar a meta de redução dos custos fixos em 20% nos primeiros 100 dias de trabalho, para que todas as secretarias reduzam em 20% os custos fixos”, adiantou Santin Roveda.

Em parceria com o prefeito Bibi, de Cruz Machado, Santin decidiu construir a nova ponte do Palmital, uma reivindicação antiga dos moradores da região que está há quatro anos sem o acesso a Cruz Machado. “Faremos em parceria com Cruz Machado e com o apoio do DER”.

“Em conjunto com o prefeito de Porto União, Eliseu, enviamos para a Caixa Econômica Federal um ofício pedindo que a cota de enchente baixe de 750 metros para 746,5 metros. Isso nos trará uma possibilidade de aumento do financiamento dos imóveis, que hoje é de 20%, para 60%. Essa decisão é importantíssima para a construção civil e para que nossa cidade volte a ter uma economia mais dinâmica”, adiantou.

Com as cheias, ocasionadas por chuvas de verão que trouxeram transtorno à população com o entupimento das galerias de águas pluviais, Santin pediu a Sanepar que vai disponibilizar o caminhão que faz a limpeza do esgoto e o diagnóstico da situação das ruas de União da Vitória. “A Sanepar prontamente nos deu um retorno e atendeu”, disse Santin Roveda.

“E também assumimos a presidência do Sisvale, que é o consórcio dos nove municípios da Amsulpar e estaremos trabalhando na saúde juntamente com os prefeitos da região. Esse foi o resumo da primeira semana de trabalho, uma semana intensa, mas a gente sabe que daqui para a frente teremos grandes desafios, mas desafios nos fazem muito bem e levam nossa União da Vitória para frente, que é como a gente quer”, completou Santin.


2 comentários

  1. quarta-feira, 11 de janeiro de 2017 – 17:54 hs

    CARO SERGIO. NO CASO DOS PREÇOS DE PEDÁGIO NO PARANÁ, SUPER FATURADOS, É UM TABU SIM….TÊM QUE ACABAR E DEPOIS, COM HONESTIDADE, ABRIR NOVA LICITAÇÃO LEVANDO EM CONSIDERAÇÃO OS PREÇOS DE SANTA CATARINA QUE EM ALGUNS CASOS SÃO DE 20 % DO VALOR COBRADO PELOS GANACIOSOS EMPRESÁRIOS DOS PEDÁGIOS DO PARANÁ…..EXEMPLO DO TRECHO CURITIBA PRAIAS + OU – 20 REAIS….E CURITIBA JOINVILE + OU – 4 REAIS….COMO É QUE PODE ISSO….VÃO ROUBAR NA P……CUIDADO DEPUTADO….TEM PREÇO DE PEDÁGIO E PREÇO,,,, “ACERTADO” DE PEDÁGIO HONESTO….MUDA BRASIL URGENTE….LINEU TOMASS ADVOGADO…

  2. quarta-feira, 11 de janeiro de 2017 – 17:56 hs

    ESTE POST É PARA O CASO DOS PEDÁGIOS DEP. FED. SERGIO SOUZA….

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*