Richa entrega 13 grandes obras em 2017 | Fábio Campana

Richa entrega 13 grandes obras em 2017

beto-richa-obras

Até o final de 2017, o governador Beto Richa vai entregar 13 grandes obras, investimento de R$ 110 milhões, gerenciadas pela Paraná Edificações. Ainda no primeiro semestre, está prevista a conclusão da nova sede do Instituto Médico Legal em Curitiba, delegacia cidadã de Matinhos, reforma do centro de produção e pesquisa de imunobiológicos em Piraquara e do Monumento Salto São João em Prudentópolis.

O centro de produção de Piraquara é uma referência nacional na produção de soros e antígenos. O prédio passa por reparos nas áreas internas e externas, além de melhorias no calçamento, iluminação e parte hidráulica. A delegacia cidadã de Matinhos é um novo modelo de atendimento em segurança pública na cidade e conta com uma área construída de 1,3 mil metros quadrados. A conclusão das duas obras está prevista para março.

A nova sede do IML de Curitiba fica no bairro do Tarumã e conta com uma área construída de 6,8 mil metros quadrados. A previsão é de que a obra seja entregue em junho. No mesmo mês, está prevista a conclusão dos trabalhos no Monumento Salto São João, uma queda-d’água de 84 metros no meio da mata, em Prudentópolis. No local foi construída uma trilha, um centro de visitantes, estacionamento e um mirante.

Segundo semestre – Outras nove obras estão programadas para o segundo semestre. O anexo da mulher no Hospital do Trabalhador em Curitiba, as delegacias de Fazenda Rio Grande e de Pinhais, novo IML de Londrina, centro de especialidades médicas de Guarapuava, centro de socioeducação e o centro nacional de treinamento de atletismo, ambos em Cascavel; o Hospital Regional de Telêmaco Borba e a cadeia pública de Campo Mourão.

Desde que foi criada, há quatro anos, a Paraná Edificações acompanhou R$ 550 milhões em obras e projetos de prédios públicos, reformas, ampliações e construções de novos hospitais, centros de apoio e delegacias. Somente em 2016, foram concluídas 46 obras e 30 projetos com investimento superior a R$ 52 milhões. As principais ações foram nas áreas da segurança, saúde e infraestrutura.

(foto: ANPr)


3 comentários

  1. XYKO
    quarta-feira, 11 de janeiro de 2017 – 10:23 hs

    GRANDES OBRAS???? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  2. DO POVÃO
    quarta-feira, 11 de janeiro de 2017 – 13:58 hs

    REALMENTE ESTE GOVERNADOR ESTA OBRANDO MUITO NO ESTADO

  3. Valmor Lemainski - Cascavel
    quarta-feira, 11 de janeiro de 2017 – 15:24 hs

    Estranho não constar a ala para tratamento de queimados do HU de Cascavel. Já era para ter sido inaugurada há mais de 2 anos… A demora já está tirando a paciência. Já gastaram próximo de 5 milhões que agora estão aí parados. Qual é a justificativa?… Vão deixar para 2018, época das eleições?… Ou porque é no oeste paranaense? Por favor, revejam o caso e resolvam o problema… A sociedade começará a cobrar…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*