Richa recebeu em Washington prêmio pela Linha Verde | Fábio Campana

Richa recebeu em Washington prêmio pela Linha Verde

O prefeito Beto Richa recebeu em Washington, na noite desta terça-feira (12), o prêmio Sustainable Transport Award 2010, pela implantação da Linha Verde. É a primeira vez que uma cidade brasileira recebe o prêmio do Institute for Transportation and Development Policy (ITDP).

“Mais que um incentivo, este reconhecimento amplia nossas responsabilidades com a construção de uma sociedade sustentável, questão que não será equacionada sem um transporte de massa caracterizado pela excelência de sua qualidade”, disse Richa em seu discurso de agradecimento, em solenidade no Hotel Hilton, no Centro da capital americana.

O Prêmio Transporte Sustentável, oferecido anualmente aos melhores projetos de transporte público do mundo, é organizado pelo ITDP, dos Estados Unidos, e por uma comissão com mais oito instituições internacionais, entre elas o Centro da ONU para Desenvolvimento Regional.

“A premiação coroa o trabalho de várias gerações de curitibanos na área de transporte urbano, trabalho que teve novo impulso, agora, com a Linha Verde”, disse Richa. “Este reconhecimento internacional comprova que Curitiba se mantém como uma referência mundial em soluções urbanas inovadoras.”

O prefeito disse que a permanente modernização do transporte coletivo continua sendo um compromisso fundamental de Curitiba, inclusive com a adoção de novas tecnologias de rodagem que ampliem as possibilidades da matriz original do sistema. “Isso sem nos afastar do conceito que associa transporte público, sustentabilidade e qualidade de vida.”

“Com a Linha Verde, Curitiba dá continuidade a uma tradição de transporte sustentável. Curitiba é um dos primeiros e melhores exemplos de transporte urbano eficiente e plano de uso de solo com foco na sustentabilidade ambiental”, disse Enrique Penalosa, presidente do Institute for Transportation and Development Policy

“A remoção da antiga rodovia BR 116 era sonho dos curitibanos e chegou a ser cogitada por planejadores urbanos visionários já nos anos 1960”, afirmou Beto Richa. “A Linha Verde virou uma realidade no desenvolvimento da cidade e no avanço do transporte público de Curitiba.”

“Os membros do comitê do prêmio ficaram impressionados com a Linha Verde, um corredor de transporte moderno, em conjunto com linhas de tráfego, ciclovias, calçadas e parque linear, formando uma avenida completa”, disse Enrique Penalosa, ex-prefeito de Bogotá e também vencedor, em 2005, do Sustainable Transport Award.

“Curitiba lançou a pedra fundamental para a inovação no transporte público. Todos reconhecem que a cidade merece a indicação para o prêmio”, disse Kathryn Phillips, especialista em políticas de transporte do Environmental Defense Fund, em Sacramento, na Califórnia.

As cidades de Ahmedabad, Johannesburgo, Cali e Guadalajara também foram premiadas, todas por projetos inspirados no sistema curitibano de canaletas exclusivas, que ficou mundialmente conhecido como BRT, do inglês Bus Rapid Transit (Ônibus de Trânsito Rápido).

Ahmedabad implantou o Janmarg, primeiro sistema BRT na Índia. Johannesburgo ganhou o prêmio pela primeira fase do Rea Vaya, primeiro BRT do continente africano e construído para a Copa do Mundo de 2010, na África do Sul.

Cali lançou o corredor inicial do Sistema Mio, uma ambiciosa transformação do sistema de ônibus da cidade. Guadalajara implantou um sistema BRT em menos de dois anos.

Além de Enrique Penalosa, que construiu o TransMilenio de Bogotá, também inspirado no sistema de ônibus curitibano, já venceram o Sustainable Transport Award os prefeitos de Nova York, Michael Bloomberg, em 2009; de Paris, Bertrand Delanoë, em 2008; de Londres, Ken Livingston, em 2008; de Guayaquil, Jaime Nebot, em 2007; de Seul, Myung-Bak Lee, em 2006.

“Os indicados para o Sustainable Transport Award deste ano demonstram a importância dos países em desenvolvimento na luta contra as mudanças climáticas, enquanto melhoram a qualidade de vida de seus cidadãos e aumentam sua competitividade internacional”, disse Walter Hook, diretor-executivo do ITDP. “As cidades têm a força para reduzir significativamente as emissões de carbono e procurar, ativamente, meios de melhorar o transporte.”

Além do ITDP e do Centro da ONU para Desenvolvimento Regional, o comitê do prêmio é formado por especialistas em transporte das seguintes instituições: Environmental Defense Fund; Transportation Research Board Committee on Transportation in Developing Countries; Clean Air Initiatives for Asia; Clean Air Initiatives for Africa; GTZ (Deutsche Gesellschaft für Technische Zusammenarbeit), da Alemanha; EMBARQ (The World Resources Institute Center for Sustainable Transport); e International Association of Public Transport (UITP).

“A indicação de três importantes cidades da América Latina (Cali, Curitiba e Guadalajara) reafirma o papel de liderança adotado por esta região para desenvolver sistemas de transportes mais limpos e mais eficientes”, disse Sergio Sanchez, diretor executivo do Clean Air Institute. “Estes exemplos devem incentivar outras cidades da América Latina e de outros lugares a continuar construindo cidades mais competitivas, ao mesmo tempo em que melhoram a qualidade do ar e reduzem a emissão de gases.”

Linha Verde: a Linha Verde é o sexto corredor de transporte de Curitiba, cuja construção teve início em 2007. Seu sistema viário foi entregue em dezembro de 2008 e o sistema de transporte público, em maio de 2009, isto tudo no primeiro trecho, de 9,4 km, do Pinheirinho ao Jardim Botânico. O projeto completo prevê 18 km ligando os bairros Pinheirinho e Atuba.

A Linha Verde foi implantada na antiga BR 116, que foi transformada em avenida e corredor de transporte. A avenida tem dez faixas de tráfego, incluindo canaletas de uso exclusivo do transporte. As pistas ao lado das canaletas são vias rápidas. As pistas ao lado das rápidas são as locais, para acesso ao comércio e aos bairros. Há duas faixas para estacionamento.

O corredor de transporte da Linha Verde permitiu a implantação de novas linhas de ônibus. A primeira delas foi a Pinheirinho-Centro, com uma redução de 17% no tempo de viagem. Esta linha tem os primeiros ônibus da América Latina a circular apenas com biocombustível, à base de soja que, por não ter mistura de óleo diesel, é definido pelos técnicos como B100. Anteriormente, Curitiba já havia testado misturas de 5% e 20% de combustível orgânico, os chamados B05 e B20, experiências que levaram ao projeto do B100.


34 comentários

  1. LEO
    quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 – 17:10 hs

    ELES NÃO CONHECEM A LINHA VERDE………….E PENSAM QUE AQUI É O PAIS DAS MARAVILHAS.

  2. Analice Lima
    quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 – 17:51 hs

    Só pode ser brincadeira isso….

    Premio pela Linha Verde?

    Aquilo é uma confusão, tudo engarrafado.

  3. carlos
    quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 – 18:04 hs

    Leo
    éles não conhecem os BAIRROS de CURITIBA e nãosabem o estado das ruas de CURITIBA mas os CURITIBANOS sabem
    deixe ele sair candidato vamos dar o troco. ele vai ser amado igual o TANIGUCHI é…hê hê hê hê…
    tchau Beto

  4. Metade
    quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 – 18:12 hs

    Aquela linha que só vai até a metade????? E o povo do lado de ká……

  5. rque
    quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 – 18:24 hs

    LINHA DO INFERNO TENTE ATRAVESAR ELA A PE TENTA

  6. justiceiro
    quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 – 18:27 hs

    É o Beto Richa, Prefeito de Curitiba em Washington, viajando como sempre, ao invés de cuidar de Curitiba. Até parece o lula, o Boa vida.

  7. ildo baldo
    quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 – 18:34 hs

    se eles vir ver de perto vâo pedie o premio de volta conserteza esses caras de pau devem ter levado o projeto com os viadutos tudo direitinho o antigo projeto lembram daqui uns dias vai o beto receber o premio do ligeirâo que era para funcionar em outubro de 2008 e ate agora nada

  8. Cana Mansa
    quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 – 20:14 hs

    Esse premio é da população de curitiba, que pagou seus impostos e o prefeito não fez mais que sua obrigação do que já estava projetado anteriormente.

  9. BREAK
    quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 – 20:43 hs

    Premio de reconhecimento a capacidade em realizar obras para beneficio a população. Parabéns Prefeito Beto Richa

  10. ada gomes
    quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 – 21:23 hs

    Deixa de ser babaca Leo, claro que conhecem, a obra pra ser financiada pelo BID teve vistoria antes, durante e depois, pelos tecnicos daquele Banco e alem da obra, Curitiba mais uma vez sai pioneira no uso do biocombustivel no transporte coletivo.
    E conta ai, voce nao consegue reconhecer que a BR 476, antiga 116, que tinha elevadissimos indices de acidentes e atropelamentosagora ficou MUITO melhor??? Pura falta de ter o que falar e criticar por criticar.
    O tipico “sy hai gobierno soy contra”….

  11. marcos silva
    quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 – 22:58 hs

    Isso prêmio pra presidente.
    É só aqui que divulgam isso.

  12. Tatuquara
    quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 – 23:08 hs

    Carlos pede para cag… e vai embora.
    Vc nao mora em Curitiba.
    Pela 7 vez BETO RICHA e o melhor Prefeito do Brasil e com certeza vai ser nosso Governador.
    Bom e o teu Governador so ganha com a maior rejeicao do Brasil…

  13. Marcos Cordeiro
    quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 – 23:19 hs

    Imagine como foi a divisão desse recurso do BID, será que sobrou um pouquinho para os showmícios, comícios ou qualquer coisa do genero para ilusão ótica do eleitor……hehehehehe…

  14. Divanir
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 1:48 hs

    Ada Gomes, este babaca do Leo, não tem o que fazer a não ser criticar as obras de Beto Richa, para ele estava melhor antes, com aquela BR sem acostamento, onde todo dia morria pedestres e motociclístas. A inveja mata, é falta de ter o que comentar, ou o temor de ver seu candidato longe nas pesquisas.

  15. Carlos-Curitiba
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 2:20 hs

    Quanto ele pagou pra receber este premio?

    Eu vi uma vez uma firma que pagava 800 reais por ano para receber um premio da area de comunicação, mas nao vou dizer o nome da firma nem o premio, mas parece que tudo é a mesma coisa…

  16. Carlos-Curitiba
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 2:21 hs

    E o meu IPTU amentou 5%, agora ja passa de 1000 reais!

  17. LEO
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 8:01 hs

    HOHOHOHOH…ADA GOMES, PELO VISTO VOCE TAMBÉM NÃO CONHECE A LINHA VERDE, QUE DEPOIS DE INALGURADA TEVE AUMENTO DE 32% EM ACIDENTES…..LEIA MAIS JORNAL E PARE DE PUXAR O SACO DO PREFEITO PASSEANDOBETO.
    E SÓ PRA VC FICAR SABENDO, QUEM ENTREGA O PREMIO AO BETO, NÃO É O BID MAIS SIM O IPDT..SE LIGUE E APRENDA LER…..QUANTO AO BIODIESEL, É MAIS UMA FARÇA DO PREFEITO QUE ESQUECEU DOS BAIRROS DA CIDADE.
    NUNCA CURITIBA TEVE RUAS TÃO ESBURACADAS COM HOJE.
    NUNCA CURITIBA FOI TÃO MAU ADMINISTRADA.
    ALIÁS, CURITIBA ESTÁ FALIDA, DEVENDO ATÉ AS CUECAS, PENA QUE O POVO NÃO SAIBA DA REALIDADE….COMO VC TAMBÉM NÃO SABE…..PREOCURE SE INFORMAR ANTES DE FALAR BESTEIRAS OTÁRIA.

  18. DEVE SER COMPRADO!
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 8:25 hs

    Este prêmio foi comptrado com certeza ….como pode-se dar u Prêmio por uma via que dividiu ainda mais a cidade….que estrangulou o trânsito mais ainda …que não tem uma passagem livre …plantação de semáforos e placas …poluição visula ao extremo ….cheia de perigos e armadilhas(cito o semáforo debaixo do viaduto da marechal logo após uma curva sem visão nenhuma) asfalto com remendos ….!!IISSO É FAKE SÓ PODE SER FALA SÉRIO!!!!

  19. quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 8:28 hs

    É preciso também premiar os binários e seus erros de planejamento.

  20. Chato
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 8:30 hs

    >Carlos-Curitiba
    >Quinta-feira, 14 de Janeiro de 2010 – 2:21 hs
    >
    >E o meu IPTU aumentou 5%, agora ja passa de 1000 reais! (faltou o u na palavra..)

    e quanto vc teve de aumento de salário??? ou de comissão???
    1000 reais de IPTU…. tá bem de casa hein!!!

  21. quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 9:18 hs

    ESTE SR BETO DEVERIA RECEBER O O PREMIO , PINHEIRO
    DE OURO :::

    PELA SUA MAL LAVADA “CARA DE PAU ” !

  22. ERNESTO
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 9:58 hs

    EU SEMPRE DISSE E CONTINUO DIZENDO QUE ESSA LINHA VERDE É UMA PORCARIA,UMA ENGANAÇÃO,
    FALO COMO ALGUÉM QUE PRECISA PASSAR PELA REGIÃO POR VOLTA DAS 18:00 HORAS E QUE PERCORRE 8 KM DA TAL LINHA EM 30 A 45 MINUTOS QUANDO ESTA TUDO BEM ,JÁ LEVEI MAIS DE 1 HORA E 45 MINUTOS NESTE TRECHO VÁRIAS VEZES.
    ENCHERAM DE SEMÁFORO,DEIXARAM IGUAL A VISCONDE DE GUARAPUAVA MAS SEM SINCRONIA ENTRE ELES ,NÃO TEM ACOSTAMENTO,QUALQUER BATIDINHA OU CARRO ESTRAGADO VIRA NUM ENGARRAFAMENTO GIGANTESCO PORQUE NÃO TEVE UM ENGENHEIRO QUE PUDESSE PREVER QUE ISSO ACONTERIA E QUE DEVERIA TER PELO MENOS ZONAS DE ESCAPE!
    PREFERIRAM PLANTAR GRAMA E FLOR PARA DEIXAR BONITINHO .
    VAI VER QUE FOI ESSA A IDÉIA DOS ENGENHEIROS ,PLANTAR FLORZINA E GRAMINHA PARA FICAREM OS MOTORISTAS OBSERVANDO ENQUANTO FICAM PARADOS NOS CONGESTIONAMENTOS.
    FAÇAM PESQUISA LA PELAS 18 HORAS ,PODEM IR DA TEMPO DE ENTREVISTAR QUASE TODO MUNDO QUE ESTIVER PASSANDO POR ALI ,O TRANSITO NÃO ANDA MESMO.
    AI VAMOS VER COMO ANDA A POPULARIDADE DO PREFEITO!

  23. quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 10:27 hs

    Senhores, os principios ditatoriais estão em prática por essa turma ai de ptistas e agregados..Eles nunca vão concordar com nada, tudo é farça, tudo é comprado, tudo tem erros de projetos..só os projetos deles que é correto, só eles se precoupam com o bom andamento das coisas..Ctba é um mar de imperfeições, bom mesmo é onde eles administraram…tudo bem que perderam de forma democratica todas essas cidades ( Londrina, Maringá, Ponta Grossa) talvez devido as “idéias” boas e perfeitas que tiveram……O problema pra eles é que os fatos estão ai…números apresentados por estudos que eles mesmos fazem, dados oficiais por órgão que eles mesmos controlam..tipo IBGE, MEC, ministério da Saúde….talvez esses dados também sejam comprados, o Beto é o cara mais influente do mundo, compra todas as pesquisas, as públicações e até mesmo os dados oficiais….A melhor propaganda de Curitiba são os estudos oficiais, não é necessário mais nada pra apontar a realidade das regiões, e isso qualquer um tem acesso…

  24. Bob
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 12:20 hs

    Alguém pode me explicar como alguém que está no início do sexto ano de mandato consegue ser o melhor prefeito por sete seguidas, uma vez que tal eleição é anual??

  25. ERNESTO
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 13:46 hs

    NÃO SOU PETISTA ,NEM PDTISTA ,NEM PMDBISTA E NÃO PRECISA SER NADA DISSO PARA CONSTATAR O ENGODO QUE É A TAL LINHA VERDE .
    SE ESTÃO ACHANDO QUE É SOMENTE CRITICA AO PREFEITO BASTA IR LA AS 7 DA MANHÃ ,MEIO DIA E 18 HORAS APÓS TODOS VOLTAREM DAS FÉRIAS ,SIM PORQUE AGORA ATÉ A VISCONDE ESTA LIVRE PRA ANDAR!
    E DEPOIS ME DIGAM EM QUE ESTOU ERRADO NO QUE FALEI ACIMA!

  26. Curitibano-
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 14:27 hs

    Só um pedaço dela? premio para que , pagou quanto por ele?. Como diria o jornalista Boris “Isto é uma vergonha” receber premio por obra não terminada, aliás nem acabada o pedaço que inaugurou.Socorrrrrro. Premio deveria receber estes soldados que estão lá no Haiti ou suas familias. Esses sim são merecedores de premio.Não politicos trairas.

  27. Ronaldo Pinto
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 15:19 hs

    è, os americanos deviam ter visto a galera queimando pneus lá semana passada por conta dos atropelamentos.

    Não existe uma passarela nem viaduto numa obra carissima!

    Até o Maluf faz coisa melhor!

  28. Paulo
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 15:24 hs

    Faz um obra de M……. pela metade e ainda recebe prêmio.
    Tão de sacanagem. Imagino qto. deve ter custado este prêmio.
    Da-lhe propaganda política.

  29. Beto NO PAÍS DAS MARAVILHAS
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 16:26 hs

    Curitiba sente orgulho de ver a administração do prefeito ausente ser contemplada e reconhecida no exterior, a green line, apesar dos autores dos prêmios, assim como a maioria do povo curitiba que se maravilham por algo sem experimentar. ISSO É UMA DEMONSTRAÇÃO CLARA, CLARÍSSIMA, QUE O NOSSO PARANÁ, CASO E POR INFELICIDADE DE TODOS O BETO RICHA FOR ELEITO, TUDO SERÁ UMA GRANDE CEREJA NUM BOLO QUE NUNCA EXISTIU. ABRAM OS OLHOS MINHA GENTE, ESSE HOMEM NÃO TEM PALAVRA, MOSTREM AS IMAGENS DAS SUAS PROMESSAS DE CAMPANHA, IRIA SER O PREFEITO ATÉ O FIM DO MANDATO….

  30. Neto
    quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 – 17:24 hs

    Gostaria de saber porque do premio, não tem nem ciclovia, faltam viadutos e sbra engarrafamento, demoro duas vezes mais para fazer o mesmo percurso agora.

    è Piada, só pode ser….

  31. carlos
    sexta-feira, 15 de janeiro de 2010 – 16:58 hs

    quem atravesa a linha verde vindo da vila hauer pelo o viaduto da linha verde no final dele tem duas preferencial, eu nunca vi nada igual, e além disso teve um sábio que teve a idéia de colocar ali um viaduto para passar quem veem pela marechal floriano, com o projeto da linha verde teve um ….. que colocou em baixo do viaduto um sinaleiro, imagine o que este ser fez ao olongo do projeto, será que o IPPUC piorou tanto assim. ai Deus

  32. Hans
    domingo, 17 de janeiro de 2010 – 0:34 hs

    Isso só pode ser piada… e de mal gosto! TODOS OS DIAS DA SEMANA SEM EXCEÇÃO há engarrafamento em frente ao Colégio Medianeira, ali deveria ter um viaduto isso sim! Fora o número absurdo de sinaleiros que existe em toda a mal acabada “linha verde”. E os dizeres nos ônibus: 100% biodiesel… pura balela!

    O trânsito fluía bem melhor como estava antes !!!

  33. Ilan Antonio Santos
    domingo, 24 de janeiro de 2010 – 18:48 hs

    Conhecendo hoje a linha verde, lembrei que faz muita falta neste país um “paredão”. É de dar náuseas em ver o grande desastre feito nessa via, com único intuíto de sacar a verba do BID. É de uma irresponsabilidade absurda. Cadê os viadutos ? Tinham que ser prioridade absoluta, eram, com certeza, o maior motivo dessa obra. E disso até o meu cachorro sabia. Mas o custo de viadutos são significavos, sobraria menos para desviaram para suas polpudas contas. A cidade continua dividida pela famigerada via, de planejamento e execuçao pífia Nem adianta concluir, deixem o resto como está que é bem melhor que a parte “maquiada”. A lei devia mandar executar em praça pública os responsáveis por tamanha asneira. Não existe outra explicação : Era tudo para pôr as mãos na verba do BID, desviar 80% e deixar o povão, que é comprado com cestas básicas, e os usuários das vias de Curitiba, em pior situação do que antes da alteração dessa via. Com um semáforo em cada esquina de Curitiba(nada de viadutos), esses irresponsávies, como sempre, nunca tiveram boas intenções, apenas desviar verbas.
    É tudo uma questão de dinheiro. Quem leva quanto….
    Assim é acertada qualquer obra em Curitiba e infelizmente em todo Brasil.

  34. JAIME
    quarta-feira, 30 de março de 2011 – 18:37 hs

    PREMIO NA LINHA VERDE

    O NOME DEVERIA SER OUTRO DE LINHA VERDE PARA AVENIDA SINALEROS.
    E CURTIBA E PROPAGANDA ENGANOSA JA FAZ TEMPO.
    DA UMA VERIFICADA NO ESTADO DE CONSERVACAO DAS RUAS. CHAMAR ESTAS PASAGENS DE RUA E TE ELOGIO.
    E TODA HORA ESTA MERDA DESTE BIARTICULADO NA TV E MAIS UM PREMIO.
    QUEM DA O PREMIO DEVERIA USAR O TRANSPORTE DEPOIS DAS 18 HORAS PARA VER COMO E QUE

    TAMBEM QUEM ERA O PREFEITO REQUIAO O MARIA LOUCA.
    NO BRASIL A VELOCIDADE E CONTROLADA NAO POR RADAR MAIS POR BURACOS.

Deixe seu comentário: