Denunciado prefeito eleito de Palmas por falsidade

A Promotoria de Justiça de Palmas protocolou denúncia criminal com pedido de prisão preventiva contra o prefeito eleito de Palmas, Hilário Andraschko, e mais cinco pessoas. Eles são acusados de crime de falsidade e uso de documentos falsos para obter o registro da candidatura que ainda enfrenta ação de impugnação de candidatura proposta pelo Ministério Público Eleitoral da Comarca. A denúncia foi recebida pelo Juízo Criminal de Palmas no mesmo dia, mas o pedido de prisão foi negado. A Promotoria recorrerá.

Andraschko foi prefeito do município entre 2001 e 2004 e teve uma das contas de 2004 rejeitadas pelo Tribunal de Contas, por não ter realizado processo licitatório para fornecimento de alimentação aos atletas participantes dos Jogos da Juventude, realizados de 28 de maio a 5 de junho de 2004. Querendo garantir seu registro de candidatura por meio de uma liminar do Tribunal de Contas que propiciasse a exclusão de seu nome do cadastro de agentes públicos com contas irregulares, Andraschko, juntamente com os demais denunciados, teriam forjado e montado, em 2008, todo um processo de dispensa de licitação para justificar a contratação da empresa que prestou os serviços de alimentação naquele ano.

Foi publicado, inclusive, o edital do processo de dispensa de licitação forjado em antiga edição do jornal Folha de Palmas, em página numerada como 5b. Nos exemplares originais da edição nº. 328, de 21 a 27 de maio de 2.004, no entanto, simplesmente não existe a página “5b”.

“Fazendo uso destes documentos falsos, instruíram um recurso como “pedido de rescisão” e o protocolaram no Tribunal de Contas do Estado do Paraná, que recebeu o nº.291612/08, com requerimento de concessão de liminar, pretendendo rescindir decisão do Tribunal de Contas consubstanciada no Acórdão nº. 3301/06 – 1ª Câmara, que desaprovou as contas apresentadas pelo denunciado HILÁRIO ANDRASCHKO no ano de 2.004, na época prefeito do Município de Palmas (…)”, diz o MP-PR na ação.

O TCE-PR, desconhecendo a falsificação, entendeu que o processo de dispensa de licitação juntado ao pedido de rescisão se configurava documento novo e, assim, concedeu a liminar, cancelando temporariamente os efeitos do Acórdão 3301/06, que tinha reprovado as contas.

Também foram denunciados na ação do MP-PR, assinada pela promotora de Justiça Danielle Garcez da Silva, o empresário Cidenei Cristian Allebrandt, conhecido como “Alemão do Jornal”, o advogado Herodites Tadeu Ribas Pacheco (então assessor jurídico da Prefeitura), o empresário Luiz Roberto Carpes de Lima e o professor Jefferson Drusina (que ocuparam a direção do Departamento de Esportes da Prefeitura Municipal) e o funcionário público municipal José Salvador Drusina.


15 comentários

  1. Pantagruel
    sábado, 15 de novembro de 2008 – 13:33 hs

    Esse Hilário é um tranqueira e todo mundo sabe. Ele tem um cupinxa dele no Conselho regional de Contabilidade que é outro trolha. Pode investigar que aí tem coisa.

  2. Ricardo
    sábado, 15 de novembro de 2008 – 13:42 hs

    Não conheço o prefeito de tal cidade, mas conheço muito bem a cidade em questão. É certamente o principal polo criador de pobreza do interior do Paraná, digno de fazer frente a qualquer cidadezinha da região central ou do vale do ribeira. A taxa de natalidade tá nas alturas, dos quais uma boa fatia (quase dois quintos) são de jovens com menos de 19 anos. A taxa de homícidios é muito elevada (50/100 mil hab/ano), toda semana se leem mortes, tiros, facadas e tudo mais nos jornais da região.O índice Gini que já era alto, em 91, em 2000 encostou nos 0,7 e agora já deve até ter passado (taxa absurdamente). A cidade em si é uma calamidade pública. Tão pobre quanto fria. Com exceção de uma pequena parte da área central, o resto é uma favela travestida de área urbana. A cidade depende exclusivamente de uma faculdade local (que a cada ano perde uns 10% dos seus alunos) e das madereiras (que nos últimos anos demitiram maciçamente por conta da queda do dólar). Fora isso a atividade principal do município é recolhimento de restos recicláveis. A cidade tem crescido rapidamente e agora já até passou dos 40 mil habitantes (contra uns 25 mil 15 anos atrás). Dentre as cidades com mais de 40 mil habitantes certamente deve ser a mais pobre do Paraná. Como eu disse no príncipio, não conheço o cidadão que é prefeito, mas na sua gestão o município que já era pobre, se aproximou ainda mais da miséria completa.

  3. Aroldo ES Araujo
    quinta-feira, 20 de novembro de 2008 – 15:29 hs

    É lamentável que em nosso meio político ainda persistam ações dessa natureza. Na verdade as pessoas mencionadas neste artigo não usaram de má fé só com as autoridades. Mas, o fizeram tambem com o povo (eleitores) de Palmas; mantendo uma candidatura inválida, ludibriaram a boa fé dos eleitores que acabaram votando num candidato inelegivel. Justiça seja feita; pois nunca na história de Palmas alguém fez uma administração tão competente como essa que está se findando. Mesmo assim, as falsas promessas e inverdades tiveram efeito junto a uma pseuda elite e uma maioria de eleitores indefezos que desconhecendo a realidade somaram mais de 10.700 votos que de nada serviram senão para mostrar à população Palmense que perante a Justiça o transito de maleficios nem sempre logra êxito. Parabéns Palmas por ter a oportunidade de escolher alguem mais preparado e competente para dirigir o seu destino.

  4. LUIS
    segunda-feira, 24 de novembro de 2008 – 23:44 hs

    Tenho vergonha de dizer que conhece este homem chamado Hilario pramim Landrasko, enganador, o povo de Palmas sente-se envergonhado por existir pessoas igual , a qui tem , uma pena parecia gente boa , mas na eleição de 2000 , um adeversario dele disse por tras desta cara de cordeiro exite um , corrupto , ladrão depois de 8 anos esta ai aprova , ficou milhonario depois que saiu da prefeitura de Palmas se a justiça existe tem que caçar este corrupto e colocar na cadeia ele e sua quailha. Estamos a postando na justiça brasileira.

  5. Fernando Roberto
    segunda-feira, 5 de janeiro de 2009 – 14:28 hs

    Conheci esta figura “hiláriante”, trata-se de um enganador da população, que, no período entre 2001 e 2004 foi prefeito de Palmas com o apoio de uma “quadrilha” de 04 vereadores. Juntos fizeram coisas inimagináveis, do ponto de vista, de irregularidades e falcatruas. Alguns de seus aliados na Câmara, à época respondiam dezenas de processos nas esferas penais e cívil, em Palmas, inclusive por possíveis participações a assaltos a órgãos públicos. Uma vergonha. Pena que alguns destes vereadores ainda encontrem-se na Câmara. Menos mal que este tal de Hilário foi impedido de tomar posse. Palmas só tem a ganhar com sua saída. O Sr. João de Oliveira, último prefeito, ao lado do seu Vice, fizeram um grande trabalho e merecem ser reconstituídos à função. A justiça tarda mais não falha. Este Hilário merecia estar preso e não na prefeitura.

  6. Jailso
    sexta-feira, 30 de janeiro de 2009 – 8:37 hs

    Certamente se todas as pessoas conhecem a conduta uma das outras, porque tal prefeito foi eleito? ora por tal motivo, a consciência de casa cidadão Palmense, falou mais alta, e é isso que importa, porque os mesmos o julgam digno de representa-lo e posso afirmar que Palmas teve um desenvolvimento importante na sua história no período em que Hilario estava no governo. Não obstante, sabemos que a democracia surgiu para o povo, e não para os interesses pessoais de uma minoria, logo a premissa esta clara: “eleito pelo povo”. A politica só terá sucesso quando o povo participar ativamente e requerer seus direitos e cumprir com seu deveres.

  7. Junior Mattos
    segunda-feira, 31 de agosto de 2009 – 12:27 hs

    Pois é meu povo, agora a verdade sai às ruas, depois de 9 meses de sofrimento, angustia o resultado saiu, ontem dia 30 de Agosto de 2009, foi à posse de nosso querido e adorado amigo Dr. HILÁRIO ANDRASCHKO, e seu vice Dr. GILBERTO ALMEIDA, junto com deputados e senadores, que vieram prestigiar o nosso prefeito, que provou a muitos que a verdade, a sinceridade e a honestidade, têm um valor um peço muito alto ao contar de vários acontecimentos, que adversários tentaram lhe tirar esse privilegio, sendo que mais de 50% da população palmense queria ver novamente no poder, levando Palmas a um caminho de sucesso, glória, desenvolvimento, coisa que não estava acontecendo durante 4 longos anos e 9 meses.
    Quero aqui deixar meu parabéns ao povo de Palmas, aos amigos que nunca deixaram à bola cair, e sempre estiveram ali, batalhando junto a nós.
    Um grande Abraço. Fiquem com Deus…

    A VERDADE TARDA, MAIS NÃO FALHA.

  8. terça-feira, 23 de agosto de 2011 – 19:32 hs

    gostaria de dizer que eu sempre fui amigo deste prefeito mais vou falar o que falei para o senhor joão de oliveira tem umas cinco pessoas que vão destruir esse mandato por explo tulio luiz roberval e mais alguem a e tabem seu proprio filho

  9. terça-feira, 23 de agosto de 2011 – 19:34 hs

    a justiça gosta e de pilantra não de gente seria tem que ser ladrão bandido e roubar dinheiro dos cofre publico

  10. nilson ferrazza
    segunda-feira, 30 de abril de 2012 – 12:58 hs

    bem se o hilario e um bom prefeito eu sou um anjo porra meu sera que a justiça esta do lado desse pilantra bom ajustiça foi feita para 3 p pobre puta e preto gente e lamentavel um prefeito falsificar documentos para poder ficar no poder bom cada um se vira como pode pra se livrar da justiça a grende culpa e da justiça por não ter verganha na cara e se deixar lavar por bandidos desse naipe e ainda diz que e ficha limpa aaaaa povo de palmas vamos dar o troco para esses pilantras para essa coja que esta pronta para atacar os cofres publico novamente 2013 tem que ser outro prefeito tem que ser sangue novo para o municipio de palmas nessa administração so os parentes desde pilantra foi favorecido como por exemplo a malearia do filho dele e muito mais empresa de vereadores com laranjas prestando serviços au municipio isso e uma vergonha para palmas mais vou falar di novo a grande culpa e do ministerio publico que não faz nada nada nada i nada

  11. nilson ferrazza
    sábado, 11 de agosto de 2012 – 19:30 hs

    fabio campana eu tenho o informativo boca no trombone

  12. terça-feira, 21 de agosto de 2012 – 21:31 hs

    Não preciso falar nada é so sair de carro rua boa só as que o prefeito anterior fez né, saude zéro o dinheiro esta indo em algum lugar e tem q aparecer documentos para justificar nem q seja doc falso né….. mas é para o povo abrir o olho…..

  13. Eleitor Indignado
    quinta-feira, 11 de outubro de 2012 – 17:13 hs

    CHUPA 12!!! HILÁRIO ANDRASCHKO perdeu a eleição e choro..
    o alemão do jornal ganho para vereador como ficara essa questão? ele como dono do jornal que falsificou o próprio jornal para acobertar o HILÁRIO ANDRASCHKO!!!!!!!
    Gastão milhões na campanha e não se elegeram! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    demoro, mas justiça foi feita!!!!! o povo deu o troco nas urnas!!

  14. quarta-feira, 4 de setembro de 2013 – 18:10 hs

    mais uma vez o pilantra do hilario enganou a justiça parabens hilario voçe eo cara o pior e que a nossa juiza vendeu o diploma para esse pilantra

  15. domingo, 22 de setembro de 2013 – 15:56 hs

    quem quer comprar diploma e só vim pra palmas pois temos uma senhora que vende

Deixe seu comentário: