Fábio Campana | Política, cultura e o poder por trás dos panos.

Seis brasileiros têm mesma riqueza que os 100 milhões mais pobres

Da Folha de S. Paulo:

No Brasil, os seis maiores bilionários têm a mesma riqueza e patrimônio que os 100 milhões de brasileiros mais pobres. Caso o ritmo de inclusão no mercado de trabalho prossiga da forma como foi nos últimos 20 anos, as mulheres só terão os mesmos salários dos homens no ano de 2047, e apenas em 2086 haverá equiparação entre a renda média de negros e brancos.
De acordo com projeções do Banco Mundial, o país terá, até o fim de 2017, 3,6 milhões a mais de pobres. Essas são as constatações do relatório “A distância que nos une, um retrato das desigualdades brasileiras”, divulgado hoje pela Oxfam Brasil.
A organização, que trabalha no combate à pobreza e à desigualdade, resolveu publicar, pela primeira vez, um estudo em que investiga, com base em vários dados, as raízes e soluções para um país onde se distribui de forma desigual fatores como renda, riqueza e serviços essenciais.
Leia Mais »

Multa a pichadores

Foi confirmada hoje a redação final do projeto que altera a lei municipal e eleva de R$ 1,6 mil para até R$ 10 mil a multa para pichadores. A mudança foi confirmada pelo plenário com 25 votos favoráveis e duas abstenções, de Professora Josete e Goura.
Wirbiski, autor do projeto, comentou que, com o debate público a respeito do tema, a Associação Comercial do Paraná já “começou a sentir que o respeito aos imóveis aumentou”.
Será? É difícil acreditar que a motivação para pichações na cidade seja o valor da multa. E mais, há de se pensar em como frear a atitude antes dela ocorrer, estudar políticas públicas que apontem um caminho para que o vandalismo seja contido. Outro fato importante: haverá aumento na fiscalização para aplicação das novas multas?

Justiça proíbe medicamento chinês no SUS

A Justiça Federal em Brasília proibiu a venda do medicamento chinês Leuginase, usado para tratamento de leucemia infantil, em toda a rede do SUS. A decisão, em caráter liminar que acolhe ação do Ministério Público Federal, foi dada pelo juiz Rolando Valcir Spanholo.
A compra do remédio foi realizada sem licitação, sob alegação de economia ao erário. Em sua decisão, o juiz federal mandou o Governo abrir processo de concorrência e, também, que seja comprovada a eficácia do medicamento.
As informações são do Estadão.

PF fecha fábrica de dinheiro falso

Do Estadão:
A Polícia Federal abriu nesta segunda-feira, 25, a Operação Moneda contra um grupo que comprava produtos na internet com moeda falsa. São investigados os crimes de associação criminosa e moeda falsa.
Em nota, a PF informou que está cumprindo 26 mandados expedidos pela Justiça Federal em São José dos Campos/SP: 10 mandados de busca e apreensão, 10 mandados de prisão preventiva e 6 mandados de prisão temporária.
Os mandados de busca e prisão estão sendo cumpridos nas cidades de São José dos Campos, São Paulo e Guarulhos. Participam da Moneda 49 policiais federais, dentre delegados, agentes e escrivães, havendo a participação, ainda, do Grupo de Pronta Intervenção – GPI da Polícia Federal, especializado em situações de risco. Leia Mais »

TC freia licitação bilionária do lixo

A abertura dos envelopes para escolha da empresa que prestará serviços de coleta e transporte do lixo pelos próximos cinco anos em Curitiba seria amanhã. O contrato é de R$ 1 bilhão.
Mas o Tribunal de Contas do Paraná encontrou diversos problemas no edital e na semana passada até avisou os responsáveis, nenhuma medida foi tomada.
Além de pormenores técnicos que restringem a quantidade de empresas interessadas, o que pode ser pinta de querer beneficiar grupo específico, há uns custos elevados em ítens que acabam por elevar o preço do edital – o que pode dar pinta de enriquecer alguém.
A licitação apenas se refere à retirada do lixo, por coleta e varrição, e transporte até os aterros. Imagine quando chegar o momento de pensar em modernizar o tratamento e destino do lixo…

Beto sanciona lei que permite venda de bebidas nos estádios

O projeto de lei que autoriza a venda de cerveja e chope nos estádios será sancionado hoje pelo governador Beto Richa. Dirigentes dos principais clubes do Estado acompanharão a assinatura.
Apesar de a bancada evangélica ser contra e um movimento para vetar a lei tenha ganhado alguma repercussão, acaba sendo uma hipocrisia não tratar do assunto dentro dos parâmetros da realidade. Em volta de todos os estádios, aqui e fora, há bares que vendem o mais variado cardápio de bebidas alcoólicas antes, durante e depois dos jogos. E os números demonstram que a venda de cerveja dentro dos estádios não compromete a segurança e nem aumenta a violência.
O deputado Luiz Cláudio Romanelli, do PSB, é o autor do projeto.

Enquanto isso no Facebook…

… Gleisi Hoffmann fala da reforma no sistema previdenciário da Suíça: “Convocado um plebiscito, 52,7% dos eleitores disseram ‘não’ à reforma geral da previdência social apresentada pelo governo e Parlamento. Já o Brasil vai na contramão com um governo golpista que acredita saber o que é melhor para o povo”.
Mas sobre o processo em que o marido, Paulo Bernardo, virou réu como “patrono” e “líder” de uma organização criminosa que se especializou em lesar aposentados endividados, nenhuma palavra.

(Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

A novela se repete

Não vale a pena ver de novo, mas mesmo assim, os políticos insistem nesse capítulo triste, sacana e funesto. Está aberto o balcão de negócios motivado pela nova denúncia contra Michel Temer. Segundo a coluna Painel da Folha de S. Paulo, o ex-deputado Valdemar Costa Neto (SP), cacique do PR e condenado no mensalão, disse a Temer que o partido acha pouco o Ministério dos Transportes e quer a Secretaria de Portos também. Para atendê-lo, o presidente teria que desalojar um apadrinhado do senador Jáder Barbalho (PMDB-PA), coisa que Temer prefere evitar.
O governo definiu que cargos do segundo escalão serão negociados diretamente com as bancadas dos partidos. O PP, que estava irrequieto, deu sinais de que ficou saciado com a superintendência do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica).

(Foto: Alan Santos/PR)

Moro avalia tirar licença para estudar no exterior

Da coluna Expresso:
Contrariando especulações sobre eventual candidatura nas eleições do ano que vem

O juiz federal Sergio Moro pretende se ausentar do Brasil para estudar. O mais provável é que embarque em 2019 ou 2020. Isso quer dizer que ele não tem intenção de se candidatar nas eleições do ano que vem, contrariando as constantes especulações.
Apesar de ter recebido alguns convites, Moro ainda não definiu quais serão os objetos de seus estudos.

(Foto: Lula Marques/AGPT)

Sobre o horário de verão

Só é bom para os folgados, que saem mais cedo, e vão para os bares beber”, disse o deputado federal Alfredo Kaefer.

Gravador na mesa

O ministro Napoleão Maia, do STJ, adotou uma nova prática. Toda vez que se encontra com advogados, coloca um gravador na mesa, avisa os presentes e inicia conversa. Ele justifica que a medida é preventiva, pois estão a dizer que o Judiciário se corrompe.
Que tal?

(Foto: Roberto Jayme/Ascom/TSE)

Palocci vai ao dentista

A defesa pediu e Sergio Moro autorizou. Antônio Palocci precisa tratar fratura dentária e fazer outros procedimentos de natureza urgente.
Palocci, que está prezo na carceragem da Polícia Federal em Curitiba, tem autorização “condicionada à disponibilidade do serviço de escolta, na data aprazada, pela autoridade policial, a ser confirmada pela própria defesa”, respondeu Moro.
Será que algum companheiro também estará na sala de espera para arranjar um canal, clareamento ou cirurgia oral?

PT e PMDB fazem pacto para
CPI da JBS

O que todo mundo já desconfiava agora ficou claro. O Estadão informa que as primeiras reuniões da CPI criada para investigar a JBS estão marcadas pelo cerco à antiga cúpula da Procuradoria-Geral da República, comandada por Rodrigo Janot, e por um pacto de não agressão entre parlamentares da base e da oposição. Ao menos um acordo tácito já está evidente entre os membros: o de evitar, pelo menos por enquanto, convocações de nomes que possam constranger o presidente Michel Temer e o PT.
Levantamento feito com base nos requerimentos votados a toque de caixa na reunião da quinta-feira passada mostra que o foco da comissão será o Ministério Público e o acordo de delação premiada firmado por executivos do Grupo J&F. Das 53 convocações ou convites aprovados, mais de 80% são referentes a pessoas ligadas à empresa ou à Procuradoria-Geral da República. Até agora foram apresentados 229 pedidos, entre convocações, convites, quebras de sigilo e outros, dos quais 102 foram aprovados.
Nem chega a ser uma decepção, uma vez que ninguém acredita na possibilidade do Congresso se auto-investigar e auto-punir. Vamos assistir ao teatro torcendo apenas para que alguém erre a fala e por conta de improvisos, o script mude.

R$ 5,7 milhões em computadores

“Objetiva-se viabilizar a preservação dos níveis de disponibilidade dos serviços em produção e o crescimento da prestação de novos serviços de tecnologia da informação, ampliar as capacidades da nuvem interna e atualizar a plataforma computacional de serviços de Tecnologia da Informação e Comunicação especializados do Sistema de Votação Eletrônico e da Infraestrutura de Jornalismo da Secretaria de Comunicação Social”, esta é a justificativa para compra de 64 computadores-servidores para Câmara, assinada por Rodrigo Maia. Valor? R$ R$ 5,7 milhões.
Não sei se é vantagem, mas os datacenters da Casa pelo menos estarão modernamente equipados para guardar para posterioridade o que os deputados fazem hoje.

(Foto: Evaristo Sá/AFP)

45% da população brasileira
sem esgoto

Se por um lado o país é um exemplo de modernidade para o mundo ao que se refere a urnas eletrônicas e apurações de votos, por outro, pouco se faz com o resultado desse progresso.
Parado no tempo, o país não dá acesso a serviço adequado de esgoto a 45% da população. O dado consta no Atlas Esgotos: Despoluição de Bacias Hidrográficas divulgado pela Agência Nacional de Águas (ANA) e pelo Ministério das Cidades.
Atendimento adequado de esgoto é resumido pelo Plano Nacional de Saneamento Básico: o uso de fossa séptica ou rede de coleta e tratamento de esgoto.
Estudos apontam que com investimento de R$ 150 bilhões, até 2035 a área urbana do Brasil estaria 100% coberta com esgoto sanitário. O que, sabemos, seria praticamente um milagre. Oremos.

Taxa de lixo para uns, isenção de IPTU para outros

A desvinculação da cobrança da taxa do lixo do IPTU aprovada na semana semana passada pela Câmara de Vereadores é uma medida para contornar a crise, aumentando a arrecadação da cidade – assim foi a justificativa dada pelo prefeito e entendida pelo legislativo.
Mas os vereadores que votaram para criação de mais uma conta para os cidadãos, lançaram uma outra ideia: estender para os imóveis alugados, a isenção do pagamento do IPTU já oferecido para igrejas que funcionam em imóveis próprios. Thiago Ferro e outros dez parlamentares da bancada evangélica assinaram o que podemos chamar de desaforo nesses tempos em que vivemos.
Não seria mais decente pensar o contrário e todo mundo pagar o imposto igualmente? Afinal de contas, se todo mundo é igual perante Deus, como afirmam as igrejas e perante as leis, como afirma a Constituição, está na hora de colocar a palavra em prática, ou não?

Lava Jato: quantos estão presos?

É difícil acompanhar a agenda político-policial do país, é tanto prende e solta, que perdemos a conta de quem ainda está na cadeia e quem paga a pena em casa.
Dê uma olhada na lista.
– Adriana Ancelmo (ex-primeira dama do Rio de Janeiro): ficou presa preventivamente três meses e 23 dias. Desde o dia 29 de março de 2017, cumpre prisão domiciliar.
– Alberto Youssef (doleiro e operador financeiro): ficou preso por dois anos e oito meses; desde 17 de março de 2017 cumpre regime aberto com tornozeleira eletrônica.
– André Vargas (ex-deputado federal do PT, sem partido): está preso desde 10 de abril de 2015.
Leia Mais »

Secretários de Saúde e Finanças prestam contas na Câmara

Nesta semana, os secretários municipais de Saúde e Finanças farão audiências públicas de prestações de contas referentes ao segundo quadrimestre do ano.
Amanhã, os vereadores receberão Márcia Huçulak, responsável pela saúde. E na quarta-feira, ouvirão do secretário Vitor Puppi as explicações sobre a situação financeira do Município.
Os dois encontros estão previstos em lei.

(Foto: Rodrigo Fonseca/CMC)

Plano mirabolante

PT agora ameaça partir para o boicote da eleição de 2018, caso Lula não possa concorrer por impedimento judicial.

Editorial, Estadão

Sem vocação para aceitar as regras do jogo quando sabe que vai perder, o PT agora ameaça partir para o boicote da eleição de 2018, caso o chefão Lula da Silva não possa concorrer por impedimento judicial, e dessa forma criar um clima de “convulsão social” e “guerra civil”, conforme as palavras de alguns de seus integrantes mais animados.

Essa ameaça já estava mais ou menos explícita nos slogans da campanha petista em defesa do demiurgo de Garanhuns: “Eleição sem Lula é fraude” e “Eleição sem Lula é golpe”. Ao considerar que a eleição sem o ex-presidente é fraudulenta por princípio, parece lógico que o PT dela não queira participar. Do contrário, seria uma forma de corroborar o tal “golpe”.

Leia Mais »

Doria nega ida para o DEM

Uma das personalidades mais assediadas no camarote VIP do Rock in Rio, o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), disse que a ida para a possibilidade de ir para o DEM não está sendo tratada neste momento. Contudo, ele destacou que o tema pode sim ser discutido no futuro. As informações são d’O Globo.

“Tivemos um jantar na minha casa em que recebi a direção do DEM na última quintafeira. Foi uma boa conversa, de bons amigos. Aliás, amigos que eu fiz fora da política. Esse não foi um tema (ida para o DEM) discutido e debatido. Falamos sobre o Brasil, de proteger o Brasil, proteger as reformas. O Brasil está melhorando e há boas perspectivas de o país seguir nesse passo. Temos que ter um olhar menos partidário. E a partir do ano que vem, aí sim, vamos pensar em campanha, pensar em eleição e pensar o Brasil a partir de 2018.

Leia Mais »