Moro acha que o ideal é encerrar a principal parte da Lava Jato neste ano

mail.google.com

Murilo Ramos, Época

São 16 meses de Lava Jato. São 16 fases da operação. São 23 delatores, com a possibilidade de haver mais. Nem só políticos e operadores se impressionam com o tamanho e os desdobramentos da investigação. Os procuradores do caso no Paraná e o juiz Sergio Moro consideram que o ideal mesmo é encerrar a parte principal da investigação até o final deste ano. Tudo para não perder energia com detalhes acessórios e não escapar do mais importante: obter a condenação dos réus que já tiveram seus malfeitos completamente esquadrinhados.

O último integrante da “camarilha dos quatro” é indiciado

mail.google.com

O ex-diretor da Área Internacional da Petrobras Jorge Zelada foi indiciado nesta sexta-feira pela Polícia Federal pelos crimes de corrupção ativa, lavagem de capitais e evasão de divisas. Pouco antes, ele havia permanecido em silêncio durante depoimento aos investigadores em Curitiba. Zelada foi o último integrante da chamada “camarilha dos quatro” a ser preso. O quarteto de ex-diretores da Petrobras acusado de participar do desvio de pelo menos 6 bilhões de reais dos cofres da estatal é formado por Paulo Roberto Costa, ex-diretor de Abastecimento, Renato Duque (Serviços) e Nestor Cerveró. Todos estão presos. Costa, que fechou acordo de delação premiada, cumpre pena em regime domiciliar. As informações são da Veja.

Leia Mais »

Lobo ou cordeiro?

mail.google.com
Fernando Henrique Cardoso

Passei três semanas de julho na Europa, entre o trabalho (pouco) e o descanso (a que reluto a me entregar). Ainda agora escrevo da Sardenha. Caminhando pelos pequenos portos da ilha, assim como pelos da Córsega, sentindo a placidez que ainda hoje envolve a vida dessa gente, não pude evitar a nostalgia pelo nunca vivido por nós metropolitanos. Nostalgia e inveja, mesmo sabendo, pela leitura apaixonante de Fernand Braudel, cujo livro sobre o Mediterrâneo carrego comigo, que a placidez atual mal esconde as agitações do passado, quando sarracenos, fenícios, normandos, gregos, romanos e toda gama de diferentes povos lutava pela conquista do Mare Nostrum. As marcas de tudo isso estão esculpidas nos fortes, torres e casamatas que se espalham pela região, quando não pelas correntes que fechavam literalmente a entrada do Porto de Bonifácio, uma fortificação erguida pelo papa Bonifácio II, incumbido da defesa da Córsega, no final do século 9.º.

Leia Mais »

O dilema de Dilma

mail.google.com

Não há agenda positiva possível enquanto o governo estiver sitiado pelas roubalheiras que hospedou, tolerou e finge desconhecer

Elio Gaspari

A doutora Dilma parece perdida como cego em tiroteio. Sua reunião com os governadores foi mais um exercício de perda de tempo. Admitindo-se que ela consiga desviar-se da ruína econômica, resta-lhe uma decisão: o que fazer diante da Lava-Jato?

Até agora ela se deixou corroer porque supõe que pode ficar numa posição de neutralidade contra. “Eu não respeito delator” será uma frase que a acompanhará pela vida.

Ou ela se alista publicamente na Lava-Jato, ou está frita. Lula deu meios passos ao tirar José Dirceu da Casa Civil e Antonio Palocci da Fazenda. Faltou dissociar-se do mensalão, e o resultado está aí.

Leia Mais »

Se Baiano falar, a casa cai

Se Fernando Baiano falar, a casa de muito peemedebista graúdo cai. Mas seria uma surpresa.

Baiano, de acordo com interlocutores próximos a ele, tinha outros planos. Imaginava ser condenado a quinze anos de prisão (como os executivos da Camargo Corrêa). Desse total, cumpriria um sexto da pena e conseguiria a liberdade.

Como já cumpriu quase um ano, ficaria preso somente mais uns dois anos.

A partir daí, Baiano estaria livre, leve, solto e ainda jovem para usufruir os milhões e milhões de dólares que acumulou em roubalheiras na

Economia ainda pior que no ano passado

O cenário traçado pelos grandes bancos para o último trimestre é um filme de terror: queda de 5% da economia em comparação com o mesmo período de 2014, que já não havia sido grandes coisas.

Por Lauro Jardim

Vaiado em Ibiza

uploads_1438417858549-delcidio_espanha_ab

Da Época:

“As férias do senador petista Delcídio do Amaral em Ibiza, Espanha, realmente não estão nada fáceis. Depois de ter se envolvido num barraco na boate Pacha e chamado de ‘ladrão’ por brasileiros que estavam no local, desta vez ele também não teve sossego durante o almoço com a família no restaurante Juan Y Andrea, na ilha de Formentera, nos arredores de Ibiza, onde só se chega de barco ou lancha, e um grupo de brasileiros começou a tirar foto do político. O local é o preferido dos milionários em Ibiza”.

A PF vai bater na porta
do Palácio do Planalto

Claudio Dantas, na IstoÉ, mostra como Eletrolão envolve Dilma:

“Em julho de 2007, Dilma Rousseff reuniu alguns ministros num comitê que tinha como missão fixar novas metas para o programa nuclear brasileiro. Aficionada às questões do setor elétrico, Dilma puxou para si o papel de coordenadora do grupo. O trabalho resultou num plano que previa, dentre tantas metas ambiciosas, a conclusão das obras da usina nuclear de Angra 3, paralisadas nos anos 80. No comando operacional da empreitada estava o presidente da Eletronuclear, almirante Othon Pinheiro da Silva, que se tornou na semana passada o principal alvo da 16ª fase da Lava Jato. Embora o militar tenha surgido como a face mais visível do esquema, a PF tem elementos que podem fazer com que as investigações atinja outras personagens muito próximos da presidente Dilma. ‘É possível que a gente chegue aos políticos’, disse o delegado Igor Romario de Paula”.

Chegar aos políticos é quase um eufemismo. Ao mergulhar no setor elétrico, a PF vai bater na porta do Palácio do Planalto”.

Preso assassino de adolescente na Praça Espanha

presoespanha

Por Felipe Ribeiro e Djalma Malaquias

A Polícia Civil prendeu em flagrante, ainda na madrugada deste sábado (1°), o acusado pela morte do adolescente Cristian Prates, de 17 anos, crime ocorrido na Praça da Espanha, em Curitiba. De acordo com o delegado Janderson Janini Afonso, o suspeito foi identificado como Diego Maradona da Silva Saes, de 28 anos, que contou que estava com a arma para se proteger de uma rixa envolvendo torcidas organizadas do Atlético e do Coritiba.Maradona já possui antecedentes por roubo, furto e pichação. Ele foi autuado em flagrante pelo crime de homicídio doloso.

“Ele confessou o crime e disse que estava com a arma para se proteger desta briga entre torcidas. O Cristian não tinha nada a ver com isso, mas acabou se envolvendo em uma confusão com o grupo do Diego. Segundo o depoimento do autor, ele estava embriagado quando fez o disparo para proteger um amigo”, relatou o delegado.

Leia Mais »

Adolescente assassinado na Praça da Espanha

assassinadopraçaespanha
Por Felipe Ribeiro e Djalma Malaquias, da Banda B

A Praça da Espanha é um dos pontos de encontro mais tradicionais de Curitiba para os jovens, mas terminou em tragédia na madrugada deste sábado (1°). Cristian Prates, de 17 anos, conversava com alguns amigos às 3h30, quando a praça ainda estava lotada, quando acabou atingido com um disparo no peito. Nenhum dos amigos soube explicar o que teria acontecido. Vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu.

Leia Mais »

Renato Duque ameaça tirar o PT de sua ficção

mail.google.com

Josias de Souza

Logo que explodiu a Lava Jato, o PT criou para si um Brasil alternativo. Um país fictício em que nada acontecera. Escaldados com o fracasso do discurso de que o mensalão não passara de caixa dois, dirigentes do partido e Lula propuseram e aceitaram a tese de que as propinas do petrolão eram doações legais, que o partido não tinha nada a explicar e que o assunto estava encerrado. Renato Duque, ex-diretor de Serviços da Petrobras, ameaça implodir essa ficção.

Leia Mais »

O colapso irrecuperável do petismo

mail.google.com

Reinaldo Azevedo

O “petrolão” já tem uma derivação: o “eletrolão”. Com mais algumas enxadadas, novas minhocas podem brotar. Quem sabe o “estradão”, “meu casão meu vidão”, “saudão”, “escolão”, “pacão”… E quantos outros aumentativos vocês queiram rimar aí para indicar um estado que foi literalmente assaltado pelo crime e que não tem solução.

O governo desapareceu. Dilma se alimenta de algumas esperanças que, embora plausíveis, têm pouco efeito prático para ela. Pensemos em Eduardo Cunha (PMDB-RJ), presidente da Câmara. A sua situação vai, por desdobramento óbvio, se agravar –afinal, é certo que será denunciado por Rodrigo Janot.

Leia Mais »

Sergio Moro, 500 dias de luta contra a corrupção

mail.google.com

Na quinta-feira 30 a Operação Lava Jato completou 500 dias de existência – e a cada etapa de seu cumprimento vem se consolidando como a maior ação contra a corrupção já realizada no País. Se lembrarmos que há 500 dias ela deu seu primeiro passo quando a PF invadiu com ordem judicial um posto de gasolina em Brasília no qual se “lavava” dinheiro (vem daí o nome da operação), é difícil imaginar que a Lava Jato chegaria onde chegou. Deve o pódio anticorrupção ao trabalho da PF de Curitiba, à força-tarefa do Ministério Público Federal e ao corajoso juiz federal Sérgio Moro. A revista IstoÉ lembra que, em números, nesses 500 dias, a Lava Jato se traduz em:

R$ 2,4 bilhões bloqueados pela Justiça
R$ 870 milhões já recuperados
48 prisões preventivas decretadas
46 prisões temporárias efetivadas
53 mandados de busca e apreensão cumpridos
138 envolvidos denunciados
30 réus condenados

Advogado de Youssef diz que sua ida à CPI coloca em risco sua ‘integridade física e moral’

mail.google.com

A defesa do doleiro Alberto Youssef pediu ao juiz Sérgio Moro que revogue a autorização a ida do delator a Brasília para participar de uma acareação com Paulo Roberto Costa na CPI da Petrobras em 6 de agosto. O advogado Antônio Figueiredo Basto diz que o deslocamento do seu cliente compromete sua segurança e coloca em risco sua “integridade física e moral”. Ele sugere que o depoimento de Youssef à CPI seja feito em Curitiba, já que a ida para a capital federal seria onerosa e os deputados já tem viagem marcada ao Paraná.

Leia Mais »

Cresce o mal estar no Tribunal de Contas

É nítida a crescente indisposição entre conselheiros do Tribunal de Contas e seus técnicos com áreas do governo estadual. Isso aponta para uma temporada de confrontos no momento de recomposição do poder e da administração do Estado. A 1ª Inspetoria de Controle Externo (ICE), comandada pelo Inspetor Agileu Carlos Bittencourt, tem encontrado dificuldades para obter documentos essenciais para a investigação de mal feitos em áreas importantes. A mesma queixa é feita pelo Conselheiro Fernando Augusto Mello Guimarães. O Ministério Público começa a investigar a possibilidade de assédio e intimidação contra os membros do TC em ações que partem de gestores inadimplentes do Estado.

Cármen Lucia julgará nepotismo de Requião

mail.google.com

A ministra Cármen Lúcia (STF) será a relatora da ação que questiona a nomeação de Maurício Requião como conselheiro do Tribunal de Contas. Na ação, que tramita desde 2009, o ministro Ricardo Lewandowski concedeu liminar e suspendeu a nomeação do irmão do senador Roberto Requião (PMDB-PR) ao cargo. A ação, ajuizada por José Rodrigo Sade, tem com base na súmula vinculante número 13, que veda o nepotismo na administração pública. Na época, Requião era governador do Estado e nomeou o irmão ao TCE.

Osmar Dias reassume PDT e se lança ao governo. Fruet sumiu

images
O PDT reuniu mais de 600 lideranças de todo o Paraná para a reunião de hoje, pela manhã, no Hotel Caravelle. Osmar Dias retomou a condução do partido no Estado e foi lançado candidato a governador em 2018. O certo é que Osmar, qualquer que seja a articulação das oposições, será candidato a uma majoritária. Seu irmão, Alvaro, també pode ser candidato por novo partido.

A ausência de Gustavo Fruet foi antada. Ele é o presidente do PDT de Curitiba e todos esperavam que ele se pronunciasse hoje. Qual o que. Fruet escafedeu-se mais uma vez, deixando a impressão de que ainda procura decidir seu caminho político, pois gosta de dizer que pretende sair candidato a governador em 2018.

“O Fruet está borrado de medo de não se reeleger prefeito e se lança ao governo, vai dançar”, foi a frase mais ouvida no encontro.

FIEP elege nova
diretoria na quarta

Mesmo com apenas uma chapa inscrita no pleito, sindicatos devem comparecer à sede da Fiep para confirmar eleição e reconduzir Edson Campagnolo à presidência da entidade.

Acontece na próxima quarta-feira (5) a eleição que deve confirmar a composição da diretoria da Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) para o próximo quadriênio. Mesmo com apenas a chapa “Fiep Unida e + Forte” inscrita na disputa, os delegados dos sindicatos filiados devem comparecer às urnas para validar a escolha do grupo, encabeçado pelo atual presidente da entidade, Edson Campagnolo, e formado por representantes de 52 instituições sindicais.

Leia Mais »

Maringá tem o melhor planejamento urbano do Brasil, diz Exame

mail.google.com
A revista Exame que chega às bancas nesta semana aponta a cidade de Maringá com o melhor planejamento urbano do Brasil. A publicação traz a lista das cidades mais inteligentes do país e Maringá se sobressaiu entre municípios como Rio de Janeiro, Curitiba, Belo Horizonte e Vitória. Um dos pontos destacados pela revista é o uso pela prefeitura de imagens de satélite para evitar o crescimento desordenado. “O monitoramento contribuiu para a cidade emergir como a primeira colocada na categoria planejamento urbano”, afirma a reportagem.

Recentemente Maringá já havia sido apontada pela Exame como uma das 15 melhores cidades do Brasil para se investir e uma das 20 cidades no Brasil que continuavam a gerar empregos apesar da crise. O município também tem a melhor gestão fiscal do Paraná, o IDH mais alto do interior e um dos melhores índices de Educação do Estado.

Gleisi é contra impeachment
de Dilma e Richa

noticias-2015-08-1438400549

A senadora Gleisi Hoffmann cumpriu agenda no Norte Pioneiro nesta sexta-feira, dia 31.De manhã, esteve em Cambará para entrega de 199 casas do Programa Minha Casa, Minha Vida do Governo Federal acompanhada do prefeito João Mattar(PSB).À tarde,visitou a Agrojac (Associação de Produtores de Jacarezinho, Instituto Federal e Universidade Estadual do Norte do Paraná(UENP), junto da ex-prefeita Tina Toneti(PT).No começo da noite,a ex-Ministra do Gabinete Civil da Presidência da República fez nova visita de cortesia ao npdiario , em Santo Antônio da Platina.Na ocasião, fez declarações políticas fortes.

Gleisi tomou lanche com profissionais do jornal,com o presidente da câmara de vereadores Valdir Domingos de Souza(PSB), a secretária-executiva da Amunorpi(Associação dos Municípios do Norte Pioneiro), Tânia Dib, e assessores, como Arilson Chiorato.

Leia Mais »